Funcionário é morto em tentativa de assalto a lotérica em GO; veja vídeo

Suspeitos tentaram quebrar o vidro e arrombar porta mas não conseguiram. Esta é a terceira vez que local é invadido, duas delas só neste ano.

Fonte: http://g1.globo.com/goias/noticia/2014/04/funcionario-e-morto-em-tentativa-de-assalto-loterica-em-go-veja-video.html

Dois homens tentaram assaltaram uma lotérica e mataram um funcionário em Luziânia, no Entorno do Distrito Federal. Imagens de uma das câmeras de segurança do local registraram quando os suspeitos invadiram o local na noite de sexta-feira (11) com armas na mão e rendem o empregado que estava do lado de fora do caixa, se preparando para fechar o local. A vítima foi agredida com coronhadas e chutes (veja vídeo).

Os homens tentaram quebrar o vidro dos caixas e arrombar a porta para chegar até a sala do cofre, mas como não conseguiram, continuaram a agredir o funcionário, que estava no chão, indefeso. Sem conseguir pegar o dinheiro, um dos homens atira no rapaz. A vítima de 27 anos foi atingida na cabeça. Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Essa é a terceira vez que lotérica é assaltada, duas delas só neste ano. Os criminosos conseguiram fugir e ainda não foram localizados. A Polícia Militar afirma que vai reforçar a segurança e intensificar o patrulhamento para tentar localizar os assaltantes.

Homem morre em tentativa de assalto a loterica em Luziânia, Goiás (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)Funcionário foi agredido e morreu levou um tiro na cabeça  (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

Abaixo-assinado Queremos Jair Bolsonaro como candidato à Presidência da República em 2014!

Para: Dirigentes Nacionais do Partido Progressista (PP) e ao Deputado Jair Bolsonaro

Queremos Jair Bolsonaro para presidente!Não nos sentimos representados pelo PT e por nenhum partido de esquerda (PSOL, PSTU, PC do B), inimigos da democracia e favoráveis a ditaduras socialistas (Cuba); também não nos identificamos ou simpatizamos com o PSDB e com sua esquerda “light”. O PMDB não está bem representado, tendo José Sarney e Renan Calheiros como membros, além de ser aliado ao governo petista.Não esperamos uma vitória de Jair Bolsonaro, pois este não seria o objetivo para 2014, mas sim uma projeção nacional, uma opção para quem não tem mais em quem votar. Assim como Enéas, um mero desconhecido, com apenas 15 segundos conseguiu o 3º lugar na campanha presidencial de 1989, Jair Bolsonaro pode crescer bastante na opinião nacional.

O povo não agüenta mais tanta corrupção, mentira, violência, impunidade, desrespeito às suas liberdades individuais e privadas e tanta imoralidade. Quem melhor para combater tudo isso e trazer de volta a este país os valores que fizeram deste país uma grande nação?

Vamos nos unir, conseguir um milhão de assinaturas e entregá-las ao partido e ao nobre deputado, mostrando nosso apoio e confiança à sua causa.

Impostos Malditos

A cada segundo que passa, mais de 55 mil reais vão para os cofres do governo… que, teoricamente, deveria dar em troca: saúde, segurança, educação para toda a população.

Mas mesmo assim, boa parte da população é obrigada a contratar esses serviços de particulares…

E o que o povo brasileiro pensa sobre isto?
- não sei…
- não é comigo…
- é só lá em Brasília!
- político é tudo corrupto mesmo!
- Quanto foi o jogo mesmo?

Parabéns, povo imbecil!

 

 

Juíza decretou prisão de Leopoldo Lopez sob ameaças do Governo

leopoldo lopez antes da prisão

A juíza federal Yaclenis Tovar Guillén, que decretou a prisão de Leopoldo López, o fez sob ameaças de funcionários do governo de Maduro. É o que denuncia e prova a amiga da juíza, a venezuelana Gabriela Mata, residente nos EUA, à emissora de TV NTN24.

Segundo Gabriela, ela e a juíza são amigas desde a infância, e se falaram via WhatsApp (um aplicativo de chat para telefones celulares). Na conversa, que ficou registrada em seu telefone, a juíza confessa que foi obrigada expedir o mandado de prisão contra o opositor Leopoldo López, sob pena de perder seu emprego. O número de telefone registrado para o usuário, com o qual se deu a conversa de Gabriela, foi chamado pelos repórteres. Do outro lado da linha, ouviu-se alguém responder por “Yaclenis”.

Fonte da notícia: Graça Salgueiro, via Nota LatinaAbaixo, segue o vídeo em que a denúncia é veiculada por NTN24.

Fonte: http://venezuelalivre.wordpress.com/2014/02/28/juiza-decretou-prisao-de-leopoldo-lopez-sob-ameacas-do-governo/

NUNCA VI UMA MENSAGEM QUE DESCREVESSE TÃO BEM ESSE PESADELO PELO QUAL, AINDA, ESTAMOS PASSANDO.

Eu quisera que em lugar de lavagem cerebral com ideias e ideais que só funcionam no papel, o povo do Brasil pensasse e agisse com suas próprias ideias e ideais! Não é questão de política e político apenas, é uma questão de povo acomodado, “mariquinha vai com as outras”!
Carroceiro que não pensa, um burro lhe comanda a carroça!

Caio Lucas Macedo
Advogado-OAB 4536-SPBR

Não há neste artigo uma só frase mentirosa. Pelo contrário, todas elas são verdades incontestáveis. Parabéns, Dr.Caio Lucas.O homem que esteve à frente desta nação e não teve coragem, nem competência, nem vontade para implantar reforma alguma neste país, pois as reformas tributárias e trabalhistas nunca saíram do papel, e a educação, a saúde e a segurança ficaram piores do que nunca.

O homem que mais teve amigos safados e aliados envolvidos, da cueca ao pescoço, em corrupção e roubalheira, gastando com os cartões corporativos e dentro de todos os tipos de esquemas.

O homem que conseguiu inchar o Estado brasileiro e as empresas estatais com tantos e tantos funcionários, tão vagabundos quanto ele, e ainda assim fazê-lo funcionar pior do que antes.

O homem que tem uma mulher medíocre, inútil, vulgar e gastadeira, que usava, indevidamente e desbragadamente, um cartão corporativo, ao qual ela não tinha direito constitucional, que ia de avião presidencial para São Paulo “fazer escova” no cabelo e retornar a Brasília.

O homem que ajudou seu filho a enriquecer, tornando-o milionário do dia para a noite, sem esforço próprio algum, só às custas de conchavos com empresas interessadas em mamar nas “tetas” do governo.
E depois ainda disse para a nação que “esse garoto é um fenômeno”, e lhe concedeu um passaporte diplomático.

O homem que mais viajou inutilmente, quando presidente deste país, comprando um avião caríssimo só para viajar pelo mundo e hospedar-se às custas da nação brasileira nos mais caros hotéis, tão futilmente e às custas dos impostos que extorquiu do povo.

O homem que aceitou passivamente todas as ações e humilhações contra o Brasil e contra os brasileiros diante da Argentina, Bolívia, Equador, Paraguai.

O homem que, perdulária e irresponsavelmente, e debochando da nossa inteligência, perdoou dívidas de países também corruptos, cujos mandatários são “esquerdistas”, e enviou dinheiro a título de doação para eles, esquecendo-se que no Brasil também temos miseráveis, carentes de bons hospitais, de escolas decentes e de um lugar digno para viver.

O homem que, por tudo isso e mais um elenco de coisas imorais e absurdas, transformou este país num chiqueiro libertino e sem futuro para quem não está no seu “grande esquema”.

O homem que transformou o Brasil em abrigo de marginais internacionais, FARC’anos etc., negando-se, por exemplo, a extraditar um criminoso vaga-bundo, para um país democrático que o julgou e condenou democraticamente. Esse homem representa o que mais nos envergonha pelo Mundo afora!!

O homem que transformou corruptos e bandidos do passado em aliados de primeira linha.

O homem que transformou o Brasil num país de parasitas e vagabundos, com o Bolsa-Família, com o repasse sem limite de recursos ao MST, o maior latifúndio improdutivo do mundo e abrigo de bandidos e vagabundos e que manipulam alguns ingênuos e verdadeiros colonos.

Para se justificar a estes novos vagabundos, o homem lhes afirma ser desnecessário ESTUDAR e que, para se “dar bem” neste País, basta ser vagabundo, safado, esquerdista e esperto.

Aliás, neste caso, o homem fez inverter uma das mais importantes Leis da Física, que é a Lei da Atração e repulsão; significa que força de idênticos sinais se repelem e as de sinais contrários se atraem.
Mas esse homem inventou que forças do mesmo sinal se atraem.
Por exemplo: ele (o homem) atrai, para sua base, políticos como JOSÉ SARNEY, COLLOR, RENAN… que ficaram amiguinhos de seus comparsas JOSÉ DIRCEU, GENOÍNO, GUSCHIQUEN, e ainda agregaram o apoio de juristas como LEWANDOVSKI, TOFOLI, etc. …

É, homem… Você é o cara… É o cara-de-pau mais descarado que o Brasil já conheceu.

É, homem, você é o cara…
É o cara que não tem um pingo de vergonha na cara, não tem escrúpulos, é “o cara” mais nocivo que tivemos a infelicidade de ter como presidente do Brasil!

Mas ….como diz o velho ditado popular:
NÃO HÁ MAL QUE SEMPRE DURE…

Caio Lucas Macedo
Advogado-OAB 4536-SPBR

Agora, a nova ministra da Cultura (aquela do “relaxa e goza”) anda dizendo que esse homem “é um Deus”!!!???
Veja só a que ponto essa “gente” chegou para fazer com que o povo cultue esse homem!
Nunca antes na história deste país… E, por essas e outras é que não posso deixar de repassar a mensagem do Caio Lucas, para a qual os ainda devotos desse homem, encontrarão as respostas objetivas.
Só sei que a minha decepção é muito grande com o que ocorre com o nosso Brasil atual, dos últimos dez anos, mas já começo a ter alguma esperança e acreditar em algumas pessoas como o advogado autor deste texto, Caio Lucas Macedo, e o Ministro Joaquim Barbosa.
Os grãos de areia estão aumentando; ainda formaremos uma imensa praia!

Como bem disse o jornalista Joelmir Beting:
“O PT é de fato um partido interessante: começou com presos políticos e vai acabar com políticos presos.”
Avante, Ministério Público e Supremo Tribunal.

Se você concorda, BASTA DIVULGAR.

Presidente do Conselho do Clube Militar diz que se for preciso darão a própria vida para livrar o Brasil do Comunismo.

 Presidente do Conselho do Clube Militar diz que se for preciso darão a própria vida para livrar o Brasil do Comunismo. O general sutilmente lembra que vários “guerrilheiros” de ontem agora são presos condenados, que de novo se autoproclamam presos políticos.

31 DE MARÇO DE 1964 – UMA DATA A SER LEMBRADA

 General de Exército Pedro Luis de Araújo Braga .  

Presidente do Conselho Deliberativo do Clube Militar

 

            Completa no próximo mês o seu Jubileu de Ouro o Monumento Cívico-Militar ou a Revolução Democrática Brasileira, na realidade uma contra-revolução que salvou o País do caos para o qual estava sendo conduzido e que postergou, por vários anos, o êxito de nova tentativa de tomada do poder por uma minoria comunista, então encastelada nos sindicatos e outras instituições, bem como em diversas esferas do Governo.

            Nossos detratores, os vencidos de então, que anistiamos na esperança de paz e de concórdia nacionais, incansáveis, obliterados e empedernidos que são, e outros que não viveram aqueles tempos sombrios mas que procedem como “o papagaio de casa de tolerância do interior”, rotulam-no de “Golpe Militar” que implantou a “ditadura” no Brasil. Este meio século, para eles, significa “anos de chumbo”, ou “anos de escuridão”.

            A técnica da propaganda aconselha que os slogans, os chavões, as idéias-força, as palavras-chave, devem ser repetidas à larga, até tomarem foros de realidade. E não faltam “marqueteiros” milionários, vendedores de ilusão, para ajudar nesse mister, que conta com a ampla difusão de certa mídia, comprada ou comprometida ideologicamente, e que não respeita ética e nem tem compromisso com a verdade.

            Se perguntarmos a um desses que engrossam tal corrente, até bacharéis, se sabem o que caracteriza uma ditadura e quais são os parâmetros de uma democracia, terão dificuldade em responder. Ignoram que todos os Presidentes Militares foram eleitos pelo Congresso e que a maioria dos países democráticos utiliza uma forma indireta de escolha de seus mandatários. Nunca se deram conta – ou esqueceram-se, ou jamais lhes disseram – por exemplo, que José Maria Alkmin, ex- Ministro da Fazenda de JK, foi o Vice-Presidente de Castelo Branco, e que Aureliano Chaves, ex-Governador de Minas Gerais, o foi de João Figueiredo. Não lhes interessa lembrar que o MDB era o partido de oposição e que, por duas vezes, chegou a lançar candidato à Presidência da República, derrotado no voto. E que havia, circulando, jornais contra o governo, como, no Rio de Janeiro, o Correio da Manhã….Ditadura?

 

            Mas, por quê ocorreu, há meio século, o movimento de que estamos falando? A situação nacional deteriora-se a tal ponto que se temia um iminente golpe comunista, tal como o tentado em Novembro de 1935, para a tomada do Poder. Eram greves em atividades essenciais, desabastecimento, inflação galopante, comícios ameaçadores, serviços públicos em crise, as intimidações da CGT. E a Nação, cuja voz era a voz de Deus, aflita, temerosa, apelou para suas Forças Armadas – povo fardado que sempre, ao longo dos tempos, estiveram a seu lado, pois nunca foram intrusas na História Pátria.

Como bem escreveu o lendário Osório, “a farda não abafa o cidadão no peito do soldado”. Sempre é bom lembrar a extraordinária “Marcha com Deus e a Família pela Liberdade”, que congregou, em passeata cívica e ordeira, um número incontável e inimaginável de bons brasileiros, de iniciativa e coordenação de Senhoras da sociedade.

            No âmago das Forças Armadas, a disciplina e a hierarquia, suas bases constitucionais e verdadeiras cláusulas pétreas, eram violentadas às escâncaras. Inspirados na velha tática napoleônica, tentaram dividir-nos, para nos bater por partes. Falava-se, abertamente, em “classe dos sargentos” e “classe dos oficiais”, como se não houvesse uma classe militar única e indivisível, organizada em círculos hierárquicos, sob uma disciplina comum. Teciam-se freqüentes loas aos chamados “Generais e Almirantes do povo” – os “legalistas”, afinados com o Governo e que colocavam a lealdade à figura do Presidente acima de seu compromisso para com a Nação, pois só esta é eterna – e os “Gorilas”, os que manifestavam preocupação com o estado das coisas e, por várias vezes, haviam alertado o Governo para a situação preocupante, na esperança de uma mudança sensata de postura. Mas o Comandante Supremo só ouvia os “pelegos” que tinham livre acesso a ele.

            Muitos não querem lembrar da revolta dos sargentos em Brasília; da “Associação de Marinheiros e Fuzileiros”, que pregava abertamente a insubordinação e cujos dirigentes, seguidos por outros, acabaram refugiando-se no Sindicado dos Metalúrgicos, que lhes deu apoio e de onde foram retirados, presos; da reunião no Automóvel Clube do Brasil, no Passeio Público do RJ, com o incentivo e a presença de João Goulart, e do espetáculo deprimente de praças carregando nos ombros um Almirante, seu adepto – todos fardados -, demonstração inequívoca de quebra de disciplina e de hierarquia. Não interessa mencionar os comícios comunistas, a ação das Ligas Camponesas, dos “Grupos dos 11”… Era a própria revolução marxista em marcha!

            Vitorioso o movimento democrático, tão solicitado e aplaudido pela maioria esmagadora da Nação e sem derramamento de sangue – diferente, pois, do que ocorreu em outros países onde foi implantado, pela força, o regime comunista – o Brasil ainda viveu anos difíceis, com o surgimento da luta armada, nas cidades e no campo: assaltos, seqüestros, roubos, atentados, guerrilhas. Foram os comunistas novamente derrotados e, outra vez, não contaram com o apoio da população.

            Mas, como resultado ou vingança, nossos detratores rotularam todos os que, cumprindo ordens superiores, empenharam-se na defesa da democracia, como “torturadores”, tal como dão, genericamente, a todo profissional da área de Inteligência – essencial a qualquer Estado democrático – o epíteto de “Araponga”.

            Derrotados naquela luta, apresentam-se hoje como “heróis da democracia”, cada qual fingindo ser um idealista que só queria o bem do Brasil… No fundo, há um interesse por indenizações, bolsas e cargos. E um exemplo dessa desigualdade e injustiça é patente: Mario Kozel Filho, um jovem soldado que durante a prestação do Serviço Militar inicial, estava de serviço de sentinela no Quartel-General do então II Exército, em S. Paulo, foi vítima de um atentado terrorista e morreu; sua beneficiária recebe pensão normal de 3º Sargento, graduação à qual foi promovido post mortem, enquanto que o assassino que o matou, anistiado, recebeu polpuda indenização e tem um salário mensal vitalício, isento de Imposto de Renda…

 

            Guerrilheiros de ontem, condenados hoje por outros crimes recentes de corrupção e afins, têm a desfaçatez de se declararem “presos políticos”. De seus companheiros de aventura, hoje no Poder?

            As obras destes cinqüentas anos aí estão, Brasil afora. É impossível alinhá-las todas nestas poucas linhas. Bem feitas, porque construídas com competência, honestidade e fiscalização. Ninguém foi acusado de corrupção. Não houve majoração indecorosa de preços, nem “mensaleiros”, tampouco dinheiro na meia ou na cueca, nem lavagem e depósitos em contas em paraísos fiscais. Aqueles que as edificaram morreram pobres. Mas, para os detratores sempre ativos, é imperioso desvinculá-las daqueles que as idealizaram e tornaram-nas realidade. Daí até o nome de algumas tentam agora mudar.  Na modesta placa de bronze colocada na Ponte Costa e Silva, lê-se: “…É um exemplo da determinação do Povo Brasileiro em caminhar firmemente para o futuro.” Este era o espírito nacional àquela época! Os jovens cantavam: “Pra frente, Brasil!” Hoje, uma entidade que parece não ter nada mais para fazer, quer mudar-lhe o nome. Está olhando pelo retrovisor da História! Será que pretende retirar o nome de Getúlio Vargas, ou Presidente Vargas, que exerceu, verdadeiramente, o governo ditatorial, do Estado Novo, dado a inúmeras cidades, usinas, escolas, hospitais e tantos outros logradouros públicos, no País, de Norte a Sul? E a propósito, não reconhecem que tal ditadura de quinze anos só teve fim, na realidade, quando do regresso vitorioso dos nossos pracinhas que lutaram contra o nazi-fascismo no Teatro de Operações da Itália.

             Agora, usando a mesma tática do grande general francês antes mencionado, procuram separar o “Exército de hoje” do “Exército de ontem”, fosso este que tentam cavar também nas outras Forças Singulares. Como se iludem! As infiltrações sensíveis de antes de 1964 nelas não se repetiram. Somos todos, da Ativa, da Reserva e Reformados, uma classe que pensa igual, que está alerta e vigilante, que troca idéias e que quer o progresso do País e o bem-estar do povo.

             O Brasil, que nasceu sob a sombra da cruz e que, como diz o cancioneiro popular, “é bonito por natureza e abençoado por Deus”, será sempre uma nação cristã, fraterna e acolhedora, amante da paz, livre e democrata. Jamais será dominada pelos comunistas, mesmo que isto custe a vida de muitos. É o nosso compromisso.

Artigo recebido por e-mail. http://sociedademilitar.com.br

Fonte: http://sociedademilitar.com.br/index.php/forcas-armadas/925-presidente-do-conselho-do-clube-militar-diz-que-se-for-preciso-darao-a-propria-vida-para-livrar-o-brasil-do-comunismo-o-general-sutilmente-chama-os-jovens-esquerdistas-fanaticos-de-papagaios.html?fb_action_ids=10203283817605096&fb_action_types=og.likes&fb_source=other_multiline&action_object_map=%5B1449196275311629%5D&action_type_map=%5B%22og.likes%22%5D&action_ref_map=%5B%5D

‘Carta de uma senhora de 84 anos ao “Estadão”.’.

‘Carta de uma senhora de 84 anos ao “Estadão”.’.

Estou com vergonha do Brasil. Vergonha do governo, com esse impatriótico, antidemocrático e antirrepublicano projeto de poder.

Vergonha do Congresso rampeiro que temos, das Câmaras que dão com uma mão para nos surrupiar com a outra, políticos vendidos a quem dá mais.

Pensar no bem do País é ser trouxa.

Vergonha do dilapidar de nossas grandes empresas estatais, Petrobrás, Eletrobrás e outras, patrimônio de todos os brasileiros, que agora estão a serviço de uma causa só, o poder. Vergonha de juízes vendidos. Vergonha de mensalões, mensalinhos, mensaleiros. Vergonha de termos quase 40 ministros e outro tanto de partidos a mamar nas tetas da viúva, enquanto brasileiros morrem em enchentes, perdendo casa e familiares por desídia de políticos, se não desonestos, então, incompetentes para o cargo. Vergonha de ver a presidente de um país pobre ir mostrar na Europa uma riqueza que não temos (onde está a guerrilheira? era tudo fantasia?).

Vergonha da violência que impera e de ver uma turista estuprada durante seis horas por delinquentes fichados e à solta fazendo barbaridades, envergonhando-nos perante o mundo. Vergonha por pagarmos tantos impostos e nada recebermos em troca – nem estradas, nem portos, nem saúde, nem segurança, nem escolas que ensinem para valer, nem creches para atender a população que forçosamente tem de ir à luta.

Vergonha de todos esses desmandos que nos trouxeram de volta a famigerada inflação.

Agora pergunto: onde estão os homens de bem deste país?
Onde está a Maçonaria? OAB? CNBB? LYONS? Onde estão os que querem lutar por um Brasil melhor?

Porque os congressistas, ao invés de instituírem Pena de Morte para assassinos e estupradores, lhes concedem Bolsa Presidiário?

Enquanto isso, grande parte do povo brasileiro, trabalha honestamente, pra ganhar menos do que aqueles que mataram e estruparam.

Isso, somente estimula a marginalidade!

Estou com muita vergonha do Brasil!

Por que tantos estão calados? Tenho 84 anos e escrevo à espera de um despertar que não se concretiza.

Até quando isso vai continuar?

Até quando veremos essas nulidades que aí estão sendo eleitas e reeleitas?

Estou com muita vergonha do Brasil.

RUTH MOREIRA.

Fonte: https://www.facebook.com/bodegadelinksdelinks/photos/a.161770370613575.5325.106191009504845/230051557118789/?type=1&theater

Nove assaltantes de banco são mortos pela polícia em Minas Gerais

Quadrilha pretendia também dominar o batalhão da Polícia Militar

Nove assaltantes de banco são mortos pela polícia em Minas Gerais Polícia Rodoviária Federal/Divulgação

Assalto e troca de tiros em agência bancária de Minas Gerais.Foto: Polícia Rodoviária Federal / Divulgação

Uma operação conjunta das Polícias Civil de Minas e São Paulo terminou com nove assaltantes de banco mortos em Itamonte, no Sul de Minas. Os criminosos faziam parte do que a Polícia Civil chama de uma das mais perigosas quadrilhas especializada em explosões a caixas eletrônicos atuante nas divisas de Minas, Rio e São Paulo, conforme informações do jornal Estado de Minas.

Pelo menos 15 homens em sete carros chegaram fortemente armados à cidade, prontos para realizar assaltos nos bancos locais. Conforme a Polícia Civil, além disso os suspeitos também pretendiam dominar o batalhão da Polícia Militar na cidade.

A quadrilha era monitorada há cerca de oito meses. Ciente dos novos planos, a corporação, com o apoio da PM e da Polícia Rodoviária Federal (PRF) aguardou a chegada da quadrilha na cidade. O grupo chegou a explodir um caixa eletrônico na praça da cidade antes de ser surpreendido pelos policiais. No local houve uma troca de tiros e cinco membros da quadrilha foram mortos.

Um grupo conseguiu escapar e seguiu em direção à BR-354 onde uma barreira já havia sido formada, fechando a rodovia. Em uma nova troca de tiros, mais quatro homens foram mortos. Outros três suspeitos ficaram feridos e foram levados para o hospital de São Lourenço, onde um policial civil baleado no braço também foi atendido.

Mais dois membros da quadrilha foram presos em São Paulo, após terem fugido do local, e um permanece foragido. Um deles foi encontrado Arujá, no interior paulista, com a bandeja de dinheiro obtida do caixa eletrônico explodido. O outro suspeito foi encontrado em Guaratinguetá.

Além dos membros da quadrilha, a operação também apreendeu três escopetas, cinco fuzis, três revólveres calibre 38, sete pistolas 9 mm e .40, seis bananas de dinamites e duas máscaras. Mais de 80 policiais de Minas e São Paulo participaram da operação, além dos homens da PRF e PM.

FORÇAS ARMADAS MANDAM RECADO PARA DONA DILLMA

Chega, Dona Dillma. Já basta de ideologias bolivarianas e de negócios ilícitos e malfeitos da sua sucia.

O texto abaixo é de autoria do Cel. Maciel, R1 da Força Aérea Brasileira, e traduz a indignação do povo brasileiro pelos mal feitos da ditadura disfarçada dos petralhas, que continua no poder por conta da paciência e da aposta na “democracia” feita por uma parcela de eleitores que não traduziu o pensamento da maioria dos brasileiros.

______________________________________________________________________________________________________

Muito cuidado, dona Dilma:
— Formiga que quer se perder cria asa.
Corte enquanto pode as perigosas asas dessa tal Comissão da Verdade, com todas suas mentiras!
Não sei o tamanho da vara da senhora; mas é muito, muito perigoso mexer leão com vara curta. Mostre sua brabeza com os fracos! — Brabeza com os fortes é muito perigoso.

É muito fácil, muito fácil mesmo, minha querida presidente, colocar a culpa de tudo que acontece de errado, neste hoje tão errado Brasil , nos militares.
— Nos “ditadores!”.
— Nos “gorilas de 64”!
– Mas veja bem:
— Há mais de vinte anos estamos recolhidos nos quartéis, comendo o pão que o diabo amassou; de pires nas mãos!
Fazendo das tripas coração!
— Lembre-se que a senhora é a nossa Comandante-em-Chefe!
— Chega de torturas!
Chega de perseguições!
– Hoje já perdemos quase tudo!
Quase, pois ainda nos resta um pouco de coragem, de honra, de dignidade, de vergonha na cara!

Não somos assassinos não!
— Assassinos são esses que lhe acompanham e que deixaram centenas de famílias sem pais! Jovens sentinelas foram cruelmente assassinados nas guerrilhas urbanas, cujos delitos eram planejados, arquitetados, muito bem bolados por quem, hein, dona Dilma?
— As Forças Armadas exigem respeito!
— Somos o braço forte e amigo de todos os brasileiros!
— Estamos cansados, putos da vida mesmo, com tantas humilhações, tantas sacanagens!
Cansados de sofrer humildemente as censuras dos encastelados no poder, incapazes de compreender, de refletir e avaliar corretamente o que nós fizemos num passado recente por este Brasil tão grande, tão amado e hoje tão traído! O que fizemos,- e faremos novamente, se preciso for-, foi combater o que julgamos prejudicial ao Brasil, sem interesses individuais. Não nos locupletamos. Vocês, pelo contrário, fazem disso seu objetivo maior.

Hoje vemos uma ditadura quiçá mais perversa, e por que não dizer, mais sangrenta (vide milhares de vidas inocentes ceifadas pela violência que V. Sas. não só permitem como promovem), e a troco de quê? A troco de objetivos inconfessáveis, do poder pelo poder, do enriquecimento ilícito individual e de “cumpanheiros”, o que comprova que estávamos certos em combatê-los no passado. Todos pensam em poder, em levar vantagem, em “se vingar”, mas ninguém pensa no Brasil.

Mergulhados na indiferença, no desânimo, assistimos o circo pegar fogo.
Olhando de longe o Brasil mergulhando na guerra civil, na corrupção, nas drogas, no caos.
— Será preciso outra Revolução?
— Não!
— Lógico que não!
— Embora haja muita gente – muita gente mesmo – cansada, de saco cheio de conviver com tanta esculhambação, tanta corrupção, tanta safadeza – achando que sim; achando que é preciso outra 64!
— Achando que revolução mesmo é com sangue! Muito sangue! (sem “retornos”, sem “anistias”) Muitos “paredóns”, como fez Fidel Castro, a menina dos olhos dessas suas embriagadas, corruptas e alegres esquerdas.

E não fazer como fizemos naqueles idos, passando panos quentes nas bundas desses seus amigos terroristas que estão aí, ratos soltos na buraqueira, comendo o queijo e bebendo o leite dos nossos famintos brasileiros, muitos dos quais recebendo injustas, polpudas e mal-cheirosas “bolsas-terrorismo” (com dinheiro meu, seu, nosso), rindo dos nossos esforços, rindo dos nossos mártires, rindo dos nossos companheiros mortos em combate (e sem direito a “reparações”), rindo da chamada “anistia” (que deveria ser recíproca), rindo dos “vencedores” que transformaram em “vencidos”, rindo do Brasil e dos brasileiros…Será que vai ficar assim?

Cuidado, dona Dilma; muito cuidado com o pingo da gota d’água!
Não nos acue!!! Esperamos não sermos obrigados nem impelidos pela população a intervir.
Uma coisa eu garanto: se o fizermos, não haverá mais anistia para terroristas, ladrões e corruptos.
Aprendemos a lição.

Veja bem o que está acontecendo na Turquia ….

Fonte: https://www.facebook.com/photo.php?fbid=284693481685993&set=a.219977531490922.1073741833.100004360304197&type=1&theater

EMENDAS DA CÂMARA MUNICIPAL DE ANDRELÂNDIA

EMENDAS DA CÂMARA MUNICIPAL DE ANDRELÂNDIA, AO ORÇAMENTO DO MUNICÍPIO PARA 2014 – APROVADAS POR UNANIMIDADE DOS VEREADORES E TODAS EM APOIO AO ESPORTE, APAE, ASILO, CANALIZAÇÃO DE ESGOTO, ASSOCIAÇÕES DE MORADORES, ETC – FORAM VETADAS PELO PREFEITO.

 
A Câmara Municipal de Andrelândia aprovou, por unanimidade dos Vereadores e a pedido da população e das entidades constituídas (Banda de Música, Asilo, APAE, Associações de Moradores, Blocos Carnavalescos, Associação Afro-Cultural, Folias de Reis, Liga de Futebol) emendas aumentando as subvenções às mesmas. Essas emendas foram feitas ao Orçamento do Município para 2014 e, segundo pudemos apurar, visam fortalecer as entidades que prestam relevantes serviços sociais à população andrelandense.
No mesmo Orçamento para 2014, foi aprovada emenda visando a canalização do esgoto que passa pelo Bairro Santos Dumont e que está assoreando os barrancos e avançando nas residências.
Outra emenda que foi aprovada, também, por unanimidade da Câmara foi a que prevê que o Executivo só pode alterar as dotações do orçamento para 2014 em apenas 5%.
A Câmara Municipal ao receber a peça orçamentária do Executivo para ser votada (o que tem que ser feito até 31 de dezembro), não recebeu (como nunca recebeu) o arquivo eletrônico da referida peça. Solicitou esse arquivo à empresa que presta serviços contábeis à Prefeitura e à Câmara e essa lhe respondeu que somente poderia atender tal pedido com autorização do Prefeito (o que não foi conseguido). Assim, as emendas não puderam ser inseridas na peça orçamentária. Foram, assim, enviadas ao poder executivo, com o histórico da votação, de forma que o Orçamento fosse sancionado com as emendas. No entanto, o poder Executivo não sancionou e respondeu em sessão extraordinária da Câmara (transmitida ao vivo pela Rádio Andrelândia FM) que “desconhecia as emendas e que se o presidente insistisse nelas, vetava-as terminantemente.” O mais interessante é que, de forma peremptória, o Chefe do Poder Executivo de Andrelândia sancionou o orçamento municipal para o ano de 2014 na sua redação original, desconhecendo, realmente, uma decisão soberana do Poder Legislativo. Segundo especialistas em legislação pública, o ato do prefeito carece de validade e desrespeita a decisão de um colegiado, ou seja, a Câmara Municipal de Andrelândia.
Segundo pudemos depreender da Reunião Extraordinária da Câmara, onde o veto do Prefeito foi derrubado por cinco votos (quatro vereadores votaram pela manutenção do veto). Pela sequência legislativa, quando se derruba um veto, o Presidente da Câmara, pelos poderes a ele dados pelo povo, promulga a peça com as emendas e o Prefeito tem que acatar o ato da presidência, sob pena de ser responsabilizado.
 
O Presidente da Câmara, Antônio Juraci de Sá, contratou, nesse meio tempo, o Advogado Dr. Marco Aurélio, para auxiliar nesse impasse e juridicamente em quaisquer outros casos. Desta forma, se o Prefeito não acatar a promulgação da Câmara (um ato soberano), certamente será responsabilizado. Vamos esperar para saber o resultado. O que não pode acontecer é as emendas, que a Câmara teve aprovadas por unanimidade, serem, de forma taxativa, engavetadas. Essas emendas se referem a recursos sociais e num maior controle sobre a administração (no caso, o fato de derrubar de 30% para 5% a autonomia do Executivo de poder alterar o Orçamento)

O centésimo macaco

Em Sábado, 8 de Fevereiro de 2014 14:20, “jakamahore@gmail.com” <jakamahore@gmail.com> escreveu:
O CENTÉSIMO MACACO….FANTÁSTICO….UMA PÉROLA DE CONHECIMENTO PARA VOCÊ…. DEGUSTE ESTE NÉCTAR.
O macaco japonês Macaca Fuscata vinha sendo observado há mais de trinta anos em estado natural. Em 1952, os cientistas jogaram batatas-doces cruas nas praias da ilha de Kochima para os macacos. Eles apreciaram o sabor das batatas-doces, mas acharam desagradável o da areia.
Uma fêmea de um ano e meio, chamada Imo, descobriu que lavar as batatas num rio próximo resolvia o problema. E ensinou o truque à sua mãe. Seus companheiros também aprenderam a novidade e a ensinaram às respectivas mães.
Aos olhos dos cientistas, essa inovação cultural foi gradualmente assimilada por vários macacos. Entre 1952 e 1958 todos os macacos jovens aprenderam a lavar a areia das batatas-doces para torná-las mais gostosas. Só os adultos que imitaram os filhos aprenderam este avanço social. Outros adultos continuaram comendo batata-doce com areia. Foi então que aconteceu uma coisa surpreendente. No outono de 1958, na ilha de Kochima, alguns macacos – não se sabe ao certo quantos – lavavam suas batatas-doces.
Vamos supor que, um dia, ao nascer do sol, noventa e nove macacos da ilha de Kochima já tivessem aprendido a lavar as batatas-doces. Vamos continuar supondo que, ainda nessa manhã, um centésimo macaco tivesse feito uso dessa prática.
Então aconteceu!
Nessa tarde, quase todo o bando já lavava as batatas-doces antes de comer. O acréscimo de energia desse centésimo macaco rompeu, de alguma forma, uma barreira ideológica!
Mas veja só:
Os cientistas observaram uma coisa deveras surpreendente: o hábito de lavar as batatas-doces havia atravessado o mar. Bandos de macacos de outras ilhas, além dos grupos do continente, em Takasakiyama, também começaram a lavar suas batatas-doces. Assim, quando um certo número crítico atinge a consciência, essa nova consciência pode ser comunicada de uma mente a outra.
O número exato pode variar, mas o Fenômeno do Centésimo Macaco significa que, quando só um número limitado de pessoas conhece um caminho novo, ele permanece como patrimônio da consciência dessas pessoas. Mas há um ponto em que, se mais uma pessoa se sintoniza com a nova percepção, o campo se alarga de modo que essa percepção é captada por quase todos!
Você pode ser o centésimo macaco!
Essa experiência nos proporciona uma reflexão sobre a direção de nossos pensamentos. De certo modo, já sabemos que para onde vai o nosso pensamento segue a nossa energia. Grupos pensando e agindo numa mesma freqüência em várias partes do Planeta têm as mesmas sensações e acabam fazendo as mesmas coisas sem nunca terem se comunicado. Isso vale tanto para aqueles que praticam o bem como para aqueles que usam de suas faculdades para o mal. O acréscimo de energia, neste caso, pode ser aquela que você está enviando com o seu pensamento sintonizado na freqüência do crime noticiado que gera comoção geral. Parece coincidência, mas sempre que um crime choca e comove multidões, de imediato outros fatos semelhantes pipocam em diversos lugares. Será isso o efeito do centésimo macaco às avessas?
Ao invés de indignar-se diante do crime noticiado, direcionando inconscientemente seu pensamento e sua energia para essas pessoas ou grupos que se aproveitam dessa energia toda para materializar mais crimes,neutralize com pensamentos conscientes de amor e perdão. Mude de canal na TV, vire a página do jornal, saia da freqüência e não alimente ainda mais a insanidade daqueles que tendem para o crime, e, também, daqueles que lucram com as desgraças alheias. São todos igualmente insanos, tanto aquele que pratica o crime quanto aquele esbraveja palavrões de indignação por horas diante das câmeras, criando comoção e levantando a energia que se materi alizará nas mãos daquele que está com a arma já engatilhada.
Gerar material para construir um mundo melhor não requer tanto de grandes ações, quanto essencialmente grandes blocos de consciência. É preciso que mais gente se sintonize na freqüência e coloque aquele acréscimo de energia que pode gerar uma nova consciência em outros grupos em outras partes do Planeta. Se cada um de nós dedicarmos alguns minutos todos os dias para meditar, entrando em sintonia com a freqüência do amor, basta para mudar muitas coisas desagradáveis acontecendo em nosso Planeta e criar uma nova consciência.
Seja você também um “centésimo macaco” – para o bem!
Paz Profunda!
“Encontre o “portão estreito que conduz à vida”. Ele é chamado de Agora.”
Echart Tolle

Copa, atrasos, manifestações e leis emergenciais

Publicado por Alexandre Salum Pinto da Luz - 6 horas atrás

Povo brasileiro, este é o nosso ano. Imaginem só, teremos em nosso país a Copa das Copas, ou seja, a melhor copa do mundo que o próprio mundo já viu, não é um orgulho?

Os estádios, com algumas exceções, estão prontos, lindos e modernos, dignos de um país que possui a sexta maior economia do mundo, e é o maior campeão mundial com cinco títulos, nossa que orgulho.

Porém, algumas coisas estão ainda engatinhando, como a construção de novos aeroportos, ou a modernização dos já existentes; novas linhas de metrô; novos hospitais ou a modernização destes; mais segurança; saneamento básico; entre outras poucas coisas que não atrapalham o nosso dia.

Agora, sinceramente, deixando a ironia de lado, é ultrajante o nosso país receber a Copa das Copas, com toda esta carência de investimentos em infraestrutura que nos assola.

O povo brasileiro passa fome; adormece em filas nos hospitais (quando não adormece para sempre); morre nas mãos de traficantes e milicianos, quando não morre pela falta de preparo da Polícia; perde horas preciosas de suas vidas no trânsito caótico de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, e até na pequena Florianópolis; é intoxicado por bactérias, pois no Brasil não existe saneamento básico, mas você, povo brasileiro, não pode ficar indignado com isso, e não pense em se manifestar, o que dirá reunir um grupo de amigos e protestar na frente dos estádios, pedindo melhorias no que realmente importa, pois vem aí, a Lei da FIFA.

Esta nova lei surge com força, após a recente morte do cinegrafista do Grupo Bandeirantes, fato lamentável, porém não justifica todo este midiatismo exarcebado, produzido pela turma do direito penal populista, que visa somente criar leis punitivas, que não produzem efeito algum. Ou alguém já viu algum efeito produzido pela Lei dos Crimes Hediondos?

Não é que a conduta da pessoa que lançou o rojão que acertou o cinegrafista seja correta, mas o incorreto é a criação de uma nova lei apenas por causa deste caso. Em nosso código penal já existem tipos penais que enquadram a maioria das condutas que a nova Lei quer coibir.

Aqui o que se defende é a diminuição de produção de leis penais que levam o nada ao lugar nenhum: quer se diminuir a maioridade penal, enquanto a maioria das crianças e adolescentes está fora da escola; quer se punir o pequeno traficante, enquanto quem manda no tráfico está vivendo em condomínios fechados, viajando pela Europa.

O imediatismo brasileiro para leis penais deve acabar, pois enquanto se perde tempo elaborando novas leis punitivas e que não resolvem nada, perde-se um precioso tempo que poderia ser utilizado para investimentos em educação, por exemplo.

Acertadamente, o Professor Luiz Flávio Gomes, ensina o seguinte:

“Na sociedade do espetáculo (Debord, Lipovetsky, Vargas Llosa), a lógica da legislação penal emergencial é sempre a mesma: agir logo em seguida a um fato espetacularizado pela mídia, no calor dos acontecimentos e, quando o caso, com o cadáver ainda sobre a mesa. Assim ocorreu após o sequestro de Abílio Diniz (veio alei dos crimes hediondos), o assassinato de Daniela Perez (segunda lei dos crimes hediondos), o escabroso assassinato da Favela Naval (lei da tortura), o escândalo dos anticoncepcionais (lei dos remédios falsos, prevendo dez anos de cadeia para a falsificação de esmalte), os ataques do PCC (lei do RDD), a violência nos estádios (estatuto do torcedor) etc. Nenhuma dessas leis (150 no total, de 1940 a 2013, sendo 72% punitivas) nunca jamais diminuiu qualquer tipo de crime. Pura performação simbólica. Mas boa parcela do povo gosta, daí o rendimento eleitoral”.

Por isso, povo brasileiro, preste atenção nos acontecimentos do País, este ano vai haver eleição para Presidente da República, Governador do Estado, Senador, Deputado Federal e Estadual, são estas pessoas que vão reger suas vidas nos próximos 4 (quatro) anos. Então escolha bem, faça bom uso de seu voto, não o venda, e vá votar de consciência limpa, pensando no bem do país.

Bibliografia:

http://institutoavantebrasil.com.br/leis-penais-emergenciais/

Alexandre Salum Pinto da Luz

Publicado por Alexandre Salum Pinto da Luz

Advogado. Inscrito na OAB/SC sob o nº 36.321. Bacharel em Direito pelo Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina – CESUSC…

 

Jovem é preso após roubar três livros para estudo e vai parar no presídio da Mata Escura

Alex Santana dos Santos, de 19 anos, disse que já roubou 10 livros, mas que todos eram para estudar.

Um caso está repercutindo bastante nas redes sociais na manhã desta sexta (07) e tem comovido toda Salvador. Para muitos, este é o caso que prova que, enquanto deputados e senadores corruptos estão presos, gente desesperada, mesmo que errado, acaba fazendo o que não deve e é preso.

Foto Varela Notcias02

Foto: Varela Notícias

Um jovem de apenas 19 anos, identificado como Alex Santana dos Santos, foi pego ao roubar apenas três livros na Livraria Cultura, localizada no Salvador Shopping, no Caminho das Árvores. Segundo informações apuradas pela reportagem do Varela Notícias, que estava no local, ele tentou o furto, pois queria os livros e a sua mãe não tinha dinheiro para comprar tais livros, que eram de ficção.

Ele informou para a Polícia que já roubou cerca de dez livros, mas que todos eram para estudar. Como até agora, ninguém apareceu para pagar a fiança, o menino deve ir para a Penitenciária a qualquer momento. Pessoas estão tentando fazer uma mobilização para pagar o preço da sua liberação, que é de dois salários mínimos.

VN esteve na 1º Delegacia Territorial, em Barris, e o coordenador da unidade informou que a família do menino, representada pelo tio do rapaz, já esteve no local e está em busca de recursos para pagar a fiança de Alex. O coordenador confirma que a família é humilde e que não tem condições, e por isso, busca ajuda de amigos e de pessoas que queiram doar. A fiança é de dois salários.

A reportagem do Varela Notícias também esteve no presídio da Mata Escura. Lá, o coordenador de visitas nos recebeu na porta e confirmou que Alex Santana já está no presídio, já que ninguém pagou sua fiança.

Ele está disponível para o Ministério Público da Bahia e, caso pague a fiança, sairá, mas enquanto isso, fica no Complexo Penitenciário da Mata Escura junto a outros presos, alguns de alta periculosidade.

http://varelanoticias.com.br/jovemepreso-apos-roubar-tres-livros-em-livraria-de-salvadorevai-par…

Matheus Galvão

Publicado por Matheus Galvão

Estudante

 

Fenômeno provoca onda que arrasta carros e assusta veranistas no RS

Fonte: http://diariocatarinense.clicrbs.com.br/sc/geral/noticia/2014/02/fenomeno-provoca-onda-que-arrasta-carros-e-assusta-veranistas-no-rs-4415508.html

Carros ficaram atolados e pertences foram levados pela água no início de tarde de domingo.

Fenômeno provoca onda que arrasta carros e assusta veranistas no RS Youtube/Reprodução

Onda atolou carros e arrastou pertences de veranistasFoto: Youtube / Reprodução
Por volta das 13h30min deste domingo, um fenômeno assustou veranistas que frequentavam o Balneário Cassino, no Litoral Sul do Rio Grande do Sul. A maré subiu além da conta na Praia Molhes da Barra, o que resultou na onda que está sendo chamada de “Tsunami”. Segundo o 2º Pelotão Ambiental de Rio Grande, a tal onda chegou a um metro.

De acordo com soldados da Operação Golfinho, alguns carros foram arrastados e ficaram atolados na areia. Cadeiras e guarda-sóis também foram levados pela água. Ninguém ficou ferido.

Segundo o professor de Oceanografia Geológica da Fundação Universidade Federal do Rio Grande, Lauro Calliari, o fenômeno é chamado de Tsunami Meteorológico, e ocorre quando o tempo está muito instável. Sol, nuvens e muito vento, cenário no qual o Balneário Cassino se encontra nos últimos dias, contribuiu com a aparição da onda.

— A onda aparece quando acontece o que chamamos de linhas de instabilidade. Uma onda que se forma na atmosfera se tranfere para o oceano, fazendo pressão em determinado ponto, o que faz com que a água seja empurrada — explica Calliari.

Denominado squall line, o fenômeno faz com que o nível do mar suba e desça, propagando a onda.

Segundo Calliari, o Tsunami Atmosférico já aconteceu cerca de quatro vezes na praia. Em 1977 a onda chegou a três metros, resultando na morte de uma pessoa, após ser jogada às rochas dos molhes pela água.

Não há registro do fenômeno em outras praias do Rio Grande do Sul.

Confira os vídeos que foram gravados logo após a onda atingir a praia.

ZERO HORA

85 RICOS TÊM DINHEIRO IGUAL A 3,57 BILHÕES DE POBRES DO MUNDO.

Texto Publicado por Luiz Flávio Gomes no site JUSBRASIL

LUIZ FLÁVIO GOMES, jurista e diretor-presidente do Instituto Avante Brasil. Estou no professorLFG.com.br | Twitter: @professorLFG

Essa é a conclusão do relatório Governar para as Elites, Sequestro democrático e desigualdade econômica, que a ONG Oxfam Intermón publicou em 19/01/14. A desequilibrada concentração de renda nas mãos de poucos (típica do capitalismo retrógrado, exageradamente desigual) significa menos renda per capita para cada habitante e cada família do país. Mas isso não implica automaticamente mais violência (mais homicídios). Outros fatores devem ser considerados: escolaridade (sobretudo), emprego estável ou não, perspectiva de futuro, a racionalidade ou irracionalidade da política criminal adotada, religião, tradição, existência ou não do “tabu do sangue” (ninguém pode sangrar outra pessoa) etc.

O que sabemos? Que cruzando os dados objetivos do IDH (índice de desenvolvimento humano), Coeficiente Gini (distribuição da renda familiar), renda per capita e o número de homicídios temos uma tese: quanto mais elevado o IDH e menor o Gini menos desigualdade e menos violento é o país (e vice-versa: quanto mais baixo o IDH e mais alto o Gini, mais desigualdade e mais violência existe). Como regra geral essa premissa é bastante válida. As exceções confirmam a regra.

O que essa tese aconselha ao bom governo assim como às lúcidas classes burguesas dominantes? Que o incremento (a melhora substancial) dos fatores estruturadores do IDH (escolaridade, longevidade e renda per capita) e do Gini (distribuição da renda familiar) não pode ser desconsiderado como fator preventivo da violência. É de se chamar a atenção aqui, especialmente, para a educação. No lapso temporal de uma geração a Coréia do Sul se revolucionou completamente por meio da educação massiva de qualidade. Esse é o fator preventivo mais relevante de todos. Como já dizia Beccaria, em 1764: “Finalmente, o mais seguro, porém o mais difícil meio de evitar os delitos, é aperfeiçoar a educação” (Capítulo 45, do livro Dos delitos e das penas).

Os dez países de mais alto IDH do mundo são os menos violentos (1,8 homicídios para cada 100 mil) e ainda estão dentre os menos desiguais (veja o coeficiente Gini), com exceção dos EUA. Contam, ademais, com rendimento per capita muito alto e um excelente nível de alfabetização. O mais desigual neste grupo (EUA) é precisamente um dos mais violentos (conta com quase o triplo de homicídios da média dos 47 países de maior IDH, que é de 1,8 para cada 100 mil pessoas). Isso nos conduz a concluir que não devemos nunca considerar um único fator (IDH) para medir ou prognosticar a violência.

PRISÃO DE JORNALISTA EM MINAS GERAIS

PRISÃO DE JORNALISTA EM MINAS GERAIS CAUSA IMPASSE NA POLÍTICA E NA JUSTIÇA.

A PRISÃO – CONSIDERADA SUSPEITA PELA OPOSIÇÃO AO GOVERNO DE MINAS GERAIS – DO JORNALISTA QUE DIVULGOU A FAMOSA “LISTA DE FURNAS” (LISTA QUE NOMEOU POLÍTICOS MINEIROS (AÉCIO NEVES, EDUARDO AZEREDO, ENTRE OUTROS) ACUSANDO-OS DE FORMAR CAIXA 2 COM DINHEIRO DESVIADO DA ESTATAL DE ENERGIA ELÉTRICA, ESTÁ GERANDO UMA DISPUTA POLÍTICA E JUDICIAL NO ESTADO. A ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DE MINAS GERAIS FEZ PEDIDO, EM REGIME DE URGÊNCIA, DE AUDIÊNCIA PÚBLICA PARA APURAR AS “CIRCUNSTÂNCIAS” DESSA PRISÃO.
O QUE SE SABE, DE ANTEMÃO, É QUE O MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE MINAS GERAIS ACUSA O JORNALISTA DE FORMAÇÃO DE QUADRILHA, DENUNCIAÇÃO CALUNIOSA E EXTORSÃO. MARCO AURÉLIO CARONE SE DEFENDE DIZENDO QUE TEVE PROPOSTA DO MINISTÉRIO PÚBLICO, NA PESSOA DO PROMOTOR DE JUSTIÇA ANDRÉ PINHO, PARA ACUSAR O PESSOAL DO “MINAS SEM CENSURA” (DEPUTADOS SÁVIO SOUZA CRUZ – PMDB – E ROGÉRIO CORREIA – PT). O MINISTÉRIO PÚBLICO AFIRMA QUE O “NOVO JORNAL” MANTIDO PELO JORNALISTA PRESO, É FINANCIADO COM RECURSOS DE R$60.000 MENSAIS, DINHEIRO QUE, SEGUNDO, O PROMOTOR, É ADVINDO DO CRIME ORGANIZADO EM MINAS GERAIS.
PELO QUE O REDATOR NACIONAL PODE APURAR EXISTE NOS VENTOS E NA POLÍTICA DE MINAS GERAIS UMA DISPUTA ESTRANHA ONDE A OPOSIÇÃO AO GOVERNO ACUSA O PROMOTOR – QUE PEDIU A PRISÃO DO JORNALISTA – E A JUÍZA – QUE ACATOU O PEDIDO – DE ACOBERTAREM CRIMES PRATICADOS POR AÉCIO NEVES E EDUARDO AZEREDO. POR OUTRO LADO O GOVERNO MINEIRO E A JUSTIÇA DE MINAS ACUSAM O JORNALISTA PRESO DE FORJAR PROVAS E AMEAÇAR TESTEMUNHAS CONTRA ELE.
Texto de Pedro paulo de Oliveira.
Imagem: Band.
PROMOTOR DE JUSTIÇA ANDRÉ PINHO, NO CENTRO DA FOTO.
REPRODUZO, AINDA, ABAIXO, O TEXTO PUBLICADO PELO BLOCO DE MINAS SEM CENSURA:
“PRISÃO DE JORNALISTA EM MG: A FACE CRUEL DO ESTADO DE EXCEÇÃO
A prisão do jornalista Marco Aurélio Carone, diretor proprietário do NOVO JORNAL, ocorrida hoje revela a face mais cruel do “Estado de Exceção” implantado em Minas Gerais desde 2003.
A prisão realizada estaria “amparada no requisito da conveniência da instrução criminal, já que em liberdade poderá forjar provas, ameaçar e intimidar testemunhas, além de continuar a utilizar o seu jornal virtual para lançar informações inverídicas”, segundo trecho do despacho da juíza Maria Isabel Fleck.
Ora, afirma-se que um dos motivos da prisão seria evitar que ele utilizasse de seu jornal virtual para veicular supostas informações inverídicas. Se isso não for censura prévia, o que mais será? E o que é pior: a arma para se efetivar essa ação preventiva seria a prisão do acusado? Logo, todo e qualquer profissional de imprensa que ousar veicular informações previamente consideradas inverídicas pela Justiça ou pelo Ministério Público está sob ameaça concreta em Minas Gerais.
Não há trânsito em julgado de qualquer ação incriminando o diretor proprietário do referido jornal virtual ou mesmo daquele que seria seu suposto aliado nas ditas “acusações inverídicas”: Nilton Monteiro, conhecido por divulgar a Lista de Furnas, que – por sua vez – já foi considerada autêntica pela PF e, inclusive, já instruiu processos sobre o rumoroso caso envolvendo lideranças do alto tucanato.
O bloco parlamentar Minas Sem Censura registra aqui duas preocupações essenciais: uma é a prática de cerceamento da liberdade de imprensa, agora – de forma inédita – corroborada pelo MP e pelo Judiciário; outra é o claro foco político envolvendo personagens que criticam, denunciam e envolvem agentes políticos diversos.
O Minas Sem Censura apresentará requerimento à Comissão de Direitos Humanos da ALMG para a discussão e apuração, nesta Casa Legislativa, do grave fato que representa essa prisão. Serão convocados os representantes do MP, da autoridade policial que efetivou as prisões, do Novo Jornal e Sindicato dos Jornalistas”.
Belo Horizonte, 20/01/2014
Pompilio Canavez
Líder do Bloco Minas Sem Censura

TELHAS E CAIXAS D’ÁGUA DE AMIANTO: O VENENO QUE MATA LENTAMENTE.

O que a maioria das famílias brasileiras não sabe é que as telhas e as caixas d’água de amianto provocam câncer. O Câncer provocado pelo amianto se aloja, principalmente, nos pulmões, causando o endurecimento dos alvéolos (seca o pulmão). Além do câncer de pulmão, o amianto ataca,ainda, o trato gastrointestinal, provocando sérias lesões no esôfago, no estômago e nos intestinos.
O amianto que cobre uma infinidade de casas pelo Brasil, libera, lentamente, fibras cancerígenas que vão se alojando nos pulmões e no aparelho digestivo. O câncer só vai aparecer ao longo dos anos (depois de 10 ou 15 anos de exposição para adultos e em torno de 35 anos para crianças). Portanto as consequências demoram a aparecer, tornando a doença silenciosa.
Por ser um produto barato, a indústria do ramo, que fatura algo em torno de 300 milhões/ano, se defende dizendo que o amianto branco não é cancerígeno. Afirma, ainda, que o produto é barato e acessível para a classe pobre do Brasil (mais de 70% da população); e destaca que a proibição causará desemprego e quebrará divisas conseguidas com a exportação do produto para outros países da América do sul (Apenas outros países pobres).
 A Universidade de São Paulo – USP publicou estudo recente que prova que o amianto é altamente danoso para a saude e que a as divisas conseguidas com exportação serão recuperadas com menos tratamentos de câncer pagos pelos SUS. O estudo da USP destaca, ainda, que é possível se chegar a alternativas plausíveis para se substituir o Amianto.
Em todos os países da Europa o amianto já é proibido. Não se usa amianto na Europa para nada, nem em lonas de freios, como ainda se usa no Brasil. No Brasil, apenas no Rio Grande do sul e São Paulo este produto é terminantemente proibido.
O que ocorre no Brasil é que, por conta de lobe, os interesses dos pobres são pouco defendidos. A grande maioria do povo que habita sob telhas de amianto e bebe água reservada em caixas de amianto, não tem consciência do veneno que inspira ou bebe.
Essa parcela da população, que mora em casas cobertas com telhas de amianto e usa caixas d’água feitas com essa mesma fibra cancerígena, não tem consciência de que ingere veneno todos os dias.
Texto de autoria de Pedro Paulo de Oliveira.

 

MARLUVAS: EMPREGO E RENDA PARA A REGIÃO.

ASSIM QUE FOREM INAUGURADAS AS UNIDADES DA MARLUVAS EM SÃO VICENTE DE MINAS, MINDURI, CRUZÍLIA E MADRE DE DEUS DE MINAS, GERANDO ALGO EM TORNO DE 500 EMPREGOS DIRETOS, VAI HAVER UMA MUDANÇA NA CONCEPÇÃO DE TRABALHO, EMPREGO E RENDA NA REGIÃO.

AS PREFEITURAS DESSAS CIDADES VÃO TER DE IMEDIATO SUAS ARRECADAÇÕES AUMENTADAS NOS ITENS: IMPOSTO SOBRE SERVIÇOS-ISS E NO REPASSE DO GOVERNO ESTADUAL DO IMPOSTO SOBRE CIRCULAÇÃO DE MERCADORIAS – ICMS. LOGICAMENTE HAVERÁ MAIS PESSOAS GASTANDO DINHEIRO NESSAS CIDADES, O COMÉRCIO EMPREGARÁ MAIS GENTE, AUMENTARÁ SEU FATURAMENTO E FARÁ AMPLIAÇÕES; OCORRERÁ, AINDA, QUE E AS PESSOAS CONSTRUIRÃO CASAS, EMPREGANDO MAIS GENTE E GERANDO OUTRO IMPOSTO: IMPOSTO PREDIAL E TERRITORIAL URBANO – ITPU; E NOVOS COMÉRCIOS SERÃO ABERTOS, GERANDO NOVOS ALVARÁS, COMO RENDA, TAMBÉM, PARA O A PREFEITURA.

A ÁREA DE SERVIÇOS TAMBÉM GANHARÁ COM ESSA NOVA ORDEM, POIS HAVERÁ MAIS CONTADORES, ADVOGADOS, VENDEDORES, PEDREIROS, SERVENTES, PINTORES, ETC, TRABALHANDO.

COM TUDO ISSO, OCORRERÁ O EFEITO CASCATA NA ECONOMIA, UMA LEI FÁTICA DO CAPITALISMO: NOVAS INDÚSTRIAS TENDERÃO A ABRIR NESSES LOCAIS IMPULSIONADAS PELO DESENVOLVIMENTO NELES OPERADOS.

FONTE: http://redatornacional.blogspot.com.br/2013/05/marluvas-emprego-e-renda-para-regiao.html

Filho de Eduardo Coutinho confessa assassinato, diz polícia do Rio

Daniel Coutinho foi ouvido no Hospital Miguel Couto, na Gávea.
Segundo a polícia, ele alegou que ‘não queria deixar os pais desamparados’.

O filho do cineasta Eduardo Coutinho confessou à polícia ter matado o pai a facadas e esfaqueado também a mãe, Maria das Dores Coutinho, de 62 anos, que permanecia hospitalizada na tarde desta terça-feira (4). As informações são do titular da Divisão de Homicídios, Rivaldo Barbosa, como mostrou o RJTV.

Daniel Coutinho, de 41 anos, foi ouvido pela Polícia Civil na noite de segunda-feira (3), com a presença do inspetor e psicólogo da Divisão de Homicídios, Gilvan Ferreira. O depoimento durou pouco mais de duas horas e foi prestado no Hospital Miguel Couto, na Gávea, na Zona Sul do Rio, onde Daniel está internado sob custódia, já que teve a prisão preventiva decretada pela Justiça do Rio. No entanto, detalhes do depoimento não foram revelados pela polícia.

Eduardo Coutinho foi morto em casa no Jardim Botânico, na Zona Sul do Rio, na manhã de domingo (2). Para a polícia, Daniel matou o pai, esfaqueou a mãe, Maria das Dores Coutinho, e depois atingiu a própria barriga com facadas durante um “surto psicótico”. Ele e a mãe passaram por cirurgia no Hospital municipal Miguel Couto. Maria das Dores foi transferida para uma unidade particular na segunda-feira (3), mas o nome do hospital não foi divulgado.

“Ele confessou o crime e, na verdade, explicou que tinha medo constante de viver e o objetivo era se suicidar, mas ele disse que não queria deixar os pais desamparados”, afirmou o delegado Rivaldo Barbosa.

Sobre a informação de que Daniel sofreria de esquizofrenia, o delegado reafirmou que apenas a perícia judiciária poderá confirmar isso e frisou que não há como estabelecer relação entre os fatos. “Não dá para comprovar [que ele seja esquizofrênico]. Não tem relação direta entre doença mental e prática de crime. O que importa é que o crime foi esclarecido pela Divisão de Homicídios”, disse Barbosa.

Segundo o inspetor de polícia e psicólogo Gilvan Ferreira, Daniel demostra arrependimento. Ele está estável e lúcido.

Enterro
O corpo de Coutinho foi enterrado às 16h20 desta segunda-feira (3). O velório começou às 10h30, na Capela 3 do Cemitério São João Batista, em Botafogo, também na Zona Sul. Dezenas de parentes, amigos e colegas de profissão se despediram de um dos principais documentaristas do país. Uma salva de palmas de quase cinco minutos marcou o adeus a Coutinho.

Vale este: Cronologia de Eduardo Coutinho  (Foto: Arte/G1)

‘Palavras desconexas’
Logo após o crime, Daniel teria batido na porta de um vizinho, “não concatenando as ideias” nem “falando palavras corretas”, em um aparente surto, contou o delegado Rivaldo Barbosa, diretor da Divisão de Homicídios.

A mãe de Daniel, Maria das Dores, levou dois golpes de faca nos seios e três na barriga, além de sofrer uma lesão no fígado.

De acordo com o delegado, Maria das Dores se salvou porque conseguiu se trancar no banheiro após ser ferida. De lá, ligou para o outro filho do casal, o promotor Pedro Coutinho.

O delegado contou que Daniel primeiro golpeou o pai, até matá-lo. Em seguida, atacou a mãe. Ele, então, aplicou dois golpes de faca na própria barriga, foi até a porta do vizinho e pediu para o homem avisar o porteiro sobre o ocorrido. Daniel voltou para o apartamento e ficou lá até a chegada dos bombeiros.

“Ele abriu para os bombeiros voluntariamente. O porteiro bateu, ele abriu”, explicou Barbosa, acrescentando que uma vizinha disse ter ouvido gritos.

Duas facas sujas de sangue foram apreendidas no quarto de Daniel e encaminhadas para perícia no Instituto de Criminalística Carlos Éboli (ICCE).

Carreira
O paulistano Eduardo Coutinho ganhou em 2007 a estatueta Kikito de Cristal, do Festival de Cinema de Gramado (principal premiação do cinema nacional), pelo conjunto de sua obra. Entre seus principais filmes, estão “Edifício Master”, “Jogo de cena”, “Babilônia 2000″ e “Cabra marcado para morrer”.

Em junho do ano passado, ele e o também cineasta José Padilha (autor dos filmes “Tropa de elite” e “Tropa de elite 2: O inimigo agora é outro”) foram convidados a integrar a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas (Ampas, na sigla em inglês), responsável pela premiação do Oscar.

Em toda a carreira, Coutinho dirigiu 20 filmes, entre longas e curtas-metragens, segundo informações do site IMDB. São eles:

“O ABC do amor” (1967)
“O homem que comprou o mundo” (1968)
“Faustão” (1971)
“Seis dias de Ouricuri” (1976)
“Teodorico, o imperador do sertão” (1978)
“Exu, uma tragédia sertaneja” (1979)
“Cabra marcado para morrer” (1985)
“Santa Marta” (1987)
“O fio da memória” (1991)
“Boca de lixo” (1993)
“Santo forte” (1999)
“Babilônia 2000″ (1999)
“Porrada” (2000)
“Edifício Master” (2002)
“Peões” (2004)
“O fim e o princípio” (2006)
“Jogo de cena” (2007)
“Moscou” (2009)
“Um dia na vida” (2010)
“As canções” (2011)

Fonte: http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2014/02/filho-de-eduardo-coutinho-confessa-assassinato-diz-policia-do-rio.html

Ônibus queimados em São Paulo chegam a 35 em 2014

Último ataque ocorreu na Av. Senador Vitorino Freire, em Cidade Ademar.
Balanço foi atualizado pela SPTrans na manhã deste domingo (2).

Um ônibus foi incendiado na madrugada deste domingo (2) na Avenida Senador Vitorino Freire, em Cidade Ademar, na Zona Sul de São Paulo, de acordo com a Polícia Militar. Não há informação sobre feridos e não havia presos pelo incêndio até as 8h.

A Polícia Militar diz que o ataque ao coletivo aconteceu pouco depois da meia-noite, na altura do número 100 da avenida. Quatro homens pararam o ônibus, pediram para o motorista,o cobrador e os passageiros descerem e atearam fogo. Depois do vandalismo, eles fugiram, segundo a PM.

Equipes do Corpo de Bombeiros foram deslocadas para o local para controlar as chamas do veículo. A ocorrência será registrada no 98° Distrito Policial (Jardim Miriam).

Esse é o segundo ataque a ônibus na região em aproximadamente 24 horas. Na madrugada de sábado, um coletivo também foi incendiado na Avenida Ângelo Cristianini, na altura do número 1.379 da avenida. Os vândalos pararam o ônibus e atearam fogo. Os bombeiros foram chamados, mas o veículo foi totalmente destruído.

ônibus queimado sp (Foto: Mario Ângelo/Sigmapress/Estadão Conteúdo)
Ônibus queimado em São Paulo (Foto: Mario Ângelo/Sigmapress/Estadão Conteúdo)

Com os dois últimos ataques, chega a 35 o número de ônibus municipais queimados na capital desde o dia 1° de janeiro – mais de um por dia –, segundo a empresa São Paulo Transportes (SPTrans). Além deles, outros 66 coletivos foram depredados em diferentes distritos da cidade e da Região Metropolitana – só na Grande São Paulo, 26 coletivos intermunicipais foram atacados e destruídos em janeiro, segundo a Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo (EMTU).

O número de ônibus queimados e depredados este ano já superou todo o primeiro semestre do ano passado, quando foram registrados 21 veículos desse tipo queimados na capital paulista.

Medidas urgentes
O Ministério Público de São Paulo quer que as autoridades adotem medidas urgentes para restabelecer a circulação de ônibus nos locais onde foram registrados ataques, informou o SPTV na quarta-feira. A Secretaria da Segurança Pública (SSP) disse que vai reforçar o policiamento, nos bairros onde os veículos foram atacados, com dois batalhões de choque: a Rota (Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar) e uma tropa que faz o policiamento em jogos de futebol.

O secretário da Segurança Pública, Fernando Grella Vieira, garantiu que, com o reforço policial, os coletivos conseguirão circular. “O comandante geral da PM já está tomando as providências para que não haja problemas. Os ônibus vão chegar até os seus destinos.”
O promotor Saad Mazloum, autor de um inquérito civil que investiga a qualidade do sistema de transporte público, vai intimar representantes das empresas de ônibus, a SPTrans e os comandantes de área da PM das regiões onde houve os ataques.

Fonte: http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2014/02/onibus-e-incendiado-na-zona-sul-de-sao-paulo.html

Michelle e Barack Obama… separados?

De acordo com fontes de dentro da Casa Branca, o casamento de 21 anos do presidente dos EUA está por um fio. Além de já estarem dormindo em quartos separados, o (ex?) casal estaria esperando apenas o fim do mandato do presidente para oficializar a separação.

O casal presidencial dos EUA tem aparecido mais afastados nos últimos meses (Foto: getty images)

O casal presidencial dos EUA tem aparecido mais afastados nos últimos meses (Foto: getty images)

Uma pergunta tem assolado os jantares em Washington nas últimas semanas: é verdade a separação de Michelle e Barack Obama após 21 anos de casamento? De acordo com a revista National Enquirer, sim! A causa da separação de um dos casais mais queridos (e, ao que parecia, apaixonados) do showbiz teria sido uma série de discussões provocadas pelo ciúme que a primeira-dama tem do presidente dos Estados Unidos.

A selfie de Obama durante o funeral de Mandela teria sido a gota d'água para o fim do casamento de 21 anos do presidente com Michelle - no canto, afastada e ao que parece, nada satisfeita! (Foto: Reprodução/Instagram)

A selfie de Obama durante o funeral de Mandela teria sido a gota d’água para o fim do casamento de 21 anos do presidente com Michelle – no canto, afastada e ao que parece, nada satisfeita! (Foto: Reprodução/Instagram)

leia mais

A gota d’água, segundo a revista, foi a selfie que Barack fez ao lado de Helle Thorning-Schmidt, primeira-ministra da Dinamarca, durante o funeral de Nelson Mandela – clique no qual Michelle aparece afastada, com cara nada satisfeita, e virou até meme na web. Fontes anônimas da Casa Branca afirmaram para a revista que o (ex?) casal já está dormindo em quartos separados e Michelle estaria esperando apenas o fim do mandato do presidente para pedir o divórcio.

Ele deve voltar para sua terra natal no Havaí. Enquanto Michelle ficaria com as filhas em Washington. A Casa Branca ainda não se pronunciou sobre o assunto, mas nos EUA a separação dos dois já é dada como certa, levando-se em conta a seriedade e qualidade jornalística da revista Enquirer.

Fonte: http://revistaglamour.globo.com/Celebridades/noticia/2014/02/michelle-e-barack-obama-separados.html

Marinha, Ministério da Fazenda e 8 órgãos abrem 4,4 mil vagas

Salários chegam a R$ 21.711,74 no Tribunal de Justiça do Amapá.
Somente na Marinha são oferecidas 1.860 vagas.

Pelo menos 10 órgãos do país abrem inscrições na segunda-feira (3) para 4.389 vagas e formação de cadastro de reserva em cargos de todos os níveis de escolaridade. Os salários chegam a R$ 21.711,74 no Tribunal de Justiça do Amapá. Somente na Marinha são oferecidas 1.860 vagas.

Fundação de Saúde do Rio de Janeiro
A Fundação de Saúde do Rio de Janeiro divulgou edital de concurso para 166 vagas em cargos de nível médio/técnico e superior. Os salários variam de R$ 2.551,84 a R$ 6.077,43. As inscrições devem ser feitas pelo site http://concursos.biorio.org.br entre os dias 3 e 16 de fevereiro. A prova objetiva será aplicada no dia 26 de fevereiro (veja a matéria completa).

Marinha
O Comando do Pessoal de Fuzileiros Navais da Marinha abriu concurso público para 1.860 vagas para o curso de formação de soldados fuzileiros navais para as turmas I e II de 2015. A bolsa durante o curso é de R$ 590. Após conclusão, o aluno é nomeado soldado fuzileiro naval, com remuneração inicial de R$ 1.435. As inscrições devem ser feitas entre 3 e 27 de fevereiro pelo site http://www.mar.mil.br/cgcfn, no link  “concursos”. O exame de escolaridade será realizado no dia 29 de abril, às 10h (veja a matéria completa).

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento
O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) divulgou edital de concurso público para 796 vagas em cargos de nível fundamental, médio/técnico e superior. Os salários vão de R$ 2.818,02 a R$ 12.539,38. Do total das vagas, 46 são reservadas para pessoas com deficiência. As inscrições devem ser feitas entre 3 de fevereiro e 6 de março pelo site http://www.consulplan.net. As provas serão aplicadas no dia 4 de maio nas 26 capitais dos estados da Federação e no Distrito Federal (veja a matéria completa).

Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação
O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação abriu concurso público para 55 vagas de pesquisador e tecnologista. As vagas são para o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden). Os salários vão de R$ 4.206,33 a R$ 10.716,04. As inscrições devem ser feitas entre 3 de fevereiro a 11 de março para tecnologista e até 14 de março para pesquisador. Os candidatos podem se inscrever na sala do Cemaden no Parque Tecnológico de São José dos Campos, situado à Estrada Doutor Altino Bondesan, 500, Distrito de Eugênio de Melo (Rodovia Presidente Dutra, km 137,8) ou no Cemaden, localizado no campus do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, situado à Rodovia Presidente Dutra, km 39, Cachoeira Paulista. A prova para tecnologista será em 6 de abril e para pesquisador será no dia 11 de abril (veja a matéria completa).

Ministério da Fazenda
O Ministério da Fazenda abriu concurso público para 1.026 vagas de assistente técnico-administrativo. O salário é de R$ 3.050,82. As inscrições devem ser feitas entre os dias 3 e 16 de fevereiro pelo site http://www.esaf.fazenda.gov.br. As provas serão aplicadas na data provável de 27 de abril (veja a matéria completa).

Polícia Civil de São Paulo
A Polícia Civil do Estado de São Paulo divulgou edital de concurso para 84 vagas de técnico de laboratório (nível médio). O salário é de R$ 1.178,24. As inscrições devem ser feitas entre os dias 3 e 28 de fevereiro de 2014 pelo site http://www.vunesp.com.br. A prova objetiva será aplicada no dia 6 de abril (veja a matéria completa).

Prefeitura de Almino Afonso (RN)
A Prefeitura de Almino Afonso (RN) abriu concurso para 77 vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade. Os salários variam de R$ 730 a R$ 1.695. Os candidatos podem se inscrever entre 3 de fevereiro e 13 de março pelo site http://www.conpass.com.br. A prova será aplicada em 13 de abril (veja o edital no site da organizadora).

Prefeitura de Cabo Verde (MG)
A Prefeitura de Cabo Verde (MG) abriu concurso e processo seletivo para o total de 114 vagas em cargos de nível fundamental, médio e superior. O salário máximo é de R$ 11 mil. As inscrições devem ser feitas entre 3 de fevereiro e 9 de março pelo site http://www.consesp.com.br. A prova será no dia 13 de abril (veja os editais no site da organizadora).

Tribunal de Justiça do Amapá
O Tribunal de Justiça do Amapá abriu concurso para 11 vagas de juiz de direito substituto. O salário é de R$ 21.711,74. As inscrições podem ser feitas entre 3 de fevereiro e 6 de março pelo site http://www.concursosfcc.com.br. A prova será no dia 27 de abril (veja a matéria completa).

Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro
O Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro divulgou edital de processo seletivo para 200 vagas de juiz leigo. A remuneração será de R$ 22 por ato homologado. As inscrições podem ser feitas pelo site http://www.vunesp.com.br entre os dias 3 e 28 de fevereiro. As provas serão aplicadas no dia 13 de abril (veja a matéria completa).

Fonte: http://g1.globo.com/concursos-e-emprego/noticia/2014/02/marinha-ministerio-da-fazenda-e-8-orgaos-abrem-44-mil-vagas.html

SP tem maior temperatura do ano e recorde para o mês de fevereiro

Termômetros marcaram 35,8°C no Mirante de Santana, na Zona Norte.
É a maior temperatura registrada em um mês de fevereiro desde 1943.

Calor na região da Avenida Paulista neste sábado (1º) (Foto: Renato S. Cerqueira/Futura Press/Estadão Conteúdo)

Calor na região da Av. Paulista neste sábado (Foto: Renato S. Cerqueira/Futura Press/Estadão Conteúdo)

A cidade de São Paulo registrou neste sábado (1º) 35,8°C no Mirante de Santana, na Zona Norte, de acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). A temperatura é a maior registrada no ano e também o recorde para um mês de fevereiro desde 1943, quando começaram as medições diárias do instituto. A máxima anterior era de 34,7°C registrada em 3 de fevereiro de 1984.

A maior temperatura de 2014 havia ocorrido em 3 de janeiro: 35,4°C. A umidade relativa do ar registrada no Mirante de Santana, onde acontece a medição oficial da cidade, ficou em 24% por volta das 16h deste sábado. O número empata com o menor valor já registrado em um fevereiro pelo Inmet. A Defesa Civil do município decretou estado de alerta nesta tarde por causa do tempo seco.

De acordo com os meteorologistas do Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), da Prefeitura de São Paulo, o tempo não muda nos próximos dias, que serão ensolarados, quentes e com tempo seco.

Janeiro quente
Janeiro de 2014 já entrou para a história de São Paulo como o mês mais quente desde o início das medições diárias de temperatura feitas pelo Inmet. Levantamento feito pelo G1 com base nos dados do instituto mostra que a média das temperaturas máximas dos 31 dias do mês é 31,9ºC. Com isso, a média de janeiro deste ano ultrapassa à de fevereiro de 1984 (31,8ºC) como a maior já registrada para um mês do ano na capital.

Se comparada apenas com meses de janeiro, a média é 1ºC superior ao recorde anterior, de 1956, quando foi registrada uma média de 30,9ºC. Em apenas cinco dias do ano a máxima ficou abaixo de 30ºC – a menor delas foi no dia 16 (27,9ºC), ainda assim acima da média para um mês de janeiro.

Fonte: http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2014/02/sp-tem-maior-temperatura-do-ano-e-recorde-para-mes-de-fevereiro.html

Mãe quer Justiça após enterrar o filho duas vezes: ‘Estou revoltada’

Segundo ela, hospital ‘esqueceu’ de entregar as pernas do filho para o IML.
Jovem morreu após ser atropelado por um trem em Cubatão, SP.

Mãe de jovem morto atropelado por trem quer justiça (Foto: Rodrigo Martins/ G1)

Mãe de jovem morto atropelado por trem quer Justiça (Foto: Rodrigo Martins/ G1)

O jovem Carlos Yugor de Souza Almeida, de 20 anos, morreu no último dia 26, após ser atropelado um dia antes por um trem, no bairro Vila Natal, em Cubatão (SP). Mas, além das circunstâncias trágicas do falecimento de Carlos, dois acontecimentos trouxeram ainda mais dor para a técnica em meio ambiente Lucielma de Souza Gomes, de 38 anos. Isso porque o corpo do seu filho foi enterrado sem partes que acabaram sendo separadas por conta do acidente com o trem e ‘esquecidas’ pelo hospital. O Boletim de Ocorrência da morte do jovem também causou impacto na família.

(À esquerda) Carlos morto após atropelamento de trem (Foto: Arquivo Pessoal/ Lucielma de Souza Gomes)
(À esquerda) Carlos morreu após atropelamento
de trem (Foto: Arquivo Pessoal / Lucielma de Souza)

Revoltada, a mãe de Carlos Yugor lembra os momentos de aflição que viveu logo após a perda de seu filho, com a notícia de que as pernas do jovem não estavam entre os restos mortais enterrados. “O enterro foi na segunda-feira (27) de manhã e, quando foi na terça-feira (28), o meu namorado recebeu uma ligação da assistente social do Hospital Modelo, onde o meu filho ficou internado. Achei que fosse para prestarem algum tipo de apoio, mas na quarta-feira (29), ela esteve na minha casa, às 13h. A assistente social veio com uma enfermeira. Foi neste momento que ela me deu a notícia de que os membros inferiores do meu filho ainda estavam no hospital. Não acreditei quando ela falou”, relata.

Lucielma destaca que a surpresa só não foi maior do que a revolta com o episódio. “Ele havia precisado amputar do joelho para baixo, mas a justificativa para não terem enviado os membros inferiores não me convence. Eles alegaram que não contavam que ele iria a óbito. Como assim? O médico mesmo já havia dito que seria difícil ele resistir até de manhã. Disseram também que ele foi para a biópsia, mas eu não acredito”, afirma.

Com essa informação, a técnica em meio ambiente precisava fazer o enterro dos demais restos mortais de seu filho. Porém, Lucielma lembra que a resolução deste problema não foi simples. “Precisávamos fazer o sepultamento das pernas em um outro enterro. Mas tínhamos que ver o jazigo. O corpo do meu filho já estava em decomposição, tanto que foi difícil deixar o caixão aberto durante o velório. Acionamos a tia dele, para que os membros inferiores fossem enterrados na campa do falecido pai dele. O hospital nos pressionou e disse que o sepultamento tinha que ser até 17h. Eles disseram que tínhamos que ser rápidos. Ela deu a autorização, mas não foi tão simples. A moça do hospital disse que eu tinha de ligar em 10 minutos, mas ela não me atendeu no celular. Aí, lembrei da internação e liguei pro Hospital Modelo”, conta.

A mãe de Carlos ressalta a angústia com a situação. “Fiquei muito nervosa quando ela disse isso. Falei que estava ligando há muito tempo para ela, mas ela não escutava. Daí, ela explicou que o celular era do hospital, não era dela. Não tive dúvidas em dizer que eles tinham muito tempo para sepultar o meu filho. Falei: ‘Não quero nem saber, vocês já fizeram muita lambança. Quero isso resolvido’. E desliguei o telefone. Felizmente, os funcionários do cemitério aceitaram esperar, vendo o meu desespero. Só que a secretária da Osan, que fez o enterro, disse que talvez não desse tempo. Também falei que isso não interessava. Graças a Deus contei com a ajuda de amigos para resolver esse problema”, diz.

Versões diferentes deixaram mãe do jovem indignada (Foto: Rodrigo Martins/ G1)
Versões diferentes para morte deixaram a mãe do
jovem indignada (Foto: Rodrigo Martins/ G1)

Segundo a polícia, o jovem teria se suicidado, hipótese completamente descartada pela mãe.“O primeiro BO, que foi feito na época da internação, estava correto. Tenho testemunhas que me falaram que ele não conseguiu atravessar a linha do trem antes. O meu filho, mesmo bastante debilitado, disse que não tinha dado tempo. O chinelo dele ficou para trás, ele caiu e quando tentou levantar, só conseguiu tentar defender o rosto. Só que depois que ele morreu, o delegado com quem eu fui conversar, para prestar o BO contra o hospital, me perguntou se era sobre o caso do menino que se suicidou. O meu filho não se matou. Disseram que ele tomava remédios, mas ele nunca precisou disso, sempre foi muito saudável. Não vou permitir que digam que o meu filho se matou. Isso não aconteceu”, critica.

Com essa versão apresentada pela polícia, a indignação de Lucielma cresceu. Ela garante que não irá desistir de reparar a história, para que a memória de seu filho seja preservada. “Alguém deve ter feito contatos para mudar a versão. Aconteceu tudo ao mesmo tempo. Dois problemas muito graves e estou revoltada. A mãe frágil acabou e eu virei uma leoa. Não tenho mais condições de chorar, não tenho mais vontade disso. O meu filho não se suicidou. Eu não estava cobrando nada de ninguém, mas depois que eu vi esse BO, dizendo que o meu filho se suicidou, decidi ir até a últimas consequências”, declara.

Por fim, a técnica em meio ambiente, que tem mais dois filhos, revela a imagem que irá levar de seu filho, após o acidente que tirou a vida dele. “Ele dançava, brincava muito. O Carlos não parava quieto, era muito brincalhão. Algumas vezes, eu falava sério com ele, mas o Carlos fazia flexão de braço, fingia que não estava nem aí. Ele era desse jeito. Ele colocava funk, começava a dançar e dar risada, me provocava dizendo que eu estava ficando ‘gordinha’. Ele também corria de um lado pro outro. Ele era o mais velho dos meus filhos, só que o mais extrovertido. Ele sempre foi assim e todos nós vamos sentir muita falta dele. Está sendo horrível”, encerra.

G1 tentou entrar em contato com o Hospital Modelo para falar sobre o caso mas, até o fechamento desta reportagem, não houve retorno.

Fonte: http://g1.globo.com/sp/santos-regiao/noticia/2014/02/mae-quer-justica-apos-enterrar-o-filho-duas-vezes-estou-revoltada.html

EMPRESÁRIA FAZ SUCESSO VENDENDO DOCES NA JANELA DE SEU QUARTO

ARA BATTONI CAPRICHA NA CRIAÇÃO DOS DOCES E BEBIDAS QUE OFERECE A CLIENTES NA CIDADE DE AMPARO, NO INTERIOR DE SÃO PAULO.

Iara, dona da doceria criativa 'A Janela da Namoradeira' (Foto: Reprodução/Facebook)

IARA, DONA DA DOCERIA CRIATIVA ‘A JANELA DA NAMORADEIRA’ (FOTO: REPRODUÇÃO/FACEBOOK)

O sonho da artista Iara Battoni, de 26 anos, sempre foi abrir seu próprio negócio. “Eu queria ter uma ideia empreendedora. Essa ideia não vinha e eu sofria muito por isso”, conta.

Ela foi então para Campinas fazer um técnico de moda e depois para o Rio de Janeiro, onde fez um curso de Artes, Figurino e Indumentária. Logo, a jovem de Amparo, interior de São Paulo, começou a trabalhar na área.

Em um desses trabalhos, a atividade de Iara era fazer doces cenográficos, o que ela adorou. Principalmente porque isso a lembrava do período de seus 11 aos 20 anos, quando ajudava a mãe a fazer doces em casa.

A vontade de abrir seu próprio negócio bateu novamente, mas o alto custo de vida do Rio de Janeiro, em conjunto com a ausência dos amigos e família, fez com que ela voltasse para Amparo. De volta à sua antiga casa, Iara sentiu a necessidade de reformar seu antigo quarto. “Adorava refazer a decoração do meu quarto quando era mais nova. E quando voltei para casa, quis mudar meu quarto de novo, pois estava tudo diferente, eu mudei muito durante o tempo que passei fora.” No meio do processo de redecoração, a tão esperada “ideia empreendedora” veio: e se ela vendesse doces e bebidas quentes em sua janela? Afinal, era julho de 2012, época do festival de inverno da cidade, e ela precisava de algum dinheiro enquanto não encontrasse um novo emprego.

Doceria criativa
Quatro dias depois, a janela já estava aberta. E toda decorada com desenhos e pinturas feitas por Iara representando os principais itens do cardápio, como palhas italianas e chocolate quente com conhaque. A ideia, ‘A Janela da Namoradeira’ – nome escolhido em homenagem às esculturas populares de mulheres na janela – era pra ser temporária. Mas, “sem querer acabou dando certo”, conta Iara.

Iara entre as palhas italianas, os doces mais vendidos na 'Janela' (Foto: Reprodução/Facebook)IARA ENTRE AS PALHAS ITALIANAS, OS DOCES MAIS VENDIDOS NA ‘JANELA’ (FOTO: REPRODUÇÃO/FACEBOOK)

Graças ao apoio, tanto pessoalmente quanto pelo Facebook, de moradores da região e turistas, a ‘Janela’ continua aberta até hoje. A doceria criativa tem mais de 3.600 fãs em sua página e, além das vendas normais, tem parceria com uma padaria local e, de tempos em tempos, faz serviços delivery em outras cidades da região.

Um dos principais atrativos da ‘Janela’ é o fato de tudo em relação a ela ser pensado e customizado por Iara. Em datas comemorativas, como Páscoa, dia dos namorados e Natal, são lançados cardápios especiais, com outros quitutes e pacotes promocionais. “Penso nos catálogos especiais como se fossem coleções. Os doces, as cores e as ideias têm que estar em harmonia. Mas uma coleção tem que se distinguir da outra, não gosto de coisas batidas”, explica Iara. São feitas muitas listas, desenhos e moldes até a execução. “O processo de ideias costuma ser longo, leva cerca de um mês.”

Alguns dos doces feitos pela 'Namoradeira' (Foto: Reprodução/Facebook)
ALGUNS DOS DOCES FEITOS PELA ‘NAMORADEIRA’ (FOTO: REPRODUÇÃO/FACEBOOK)

No entanto, apesar do sucesso, não foi tão fácil para Iara regularizar seu negócio. “Foi complicado por ser uma coisa diferente, duvidavam desse modelo”, explica. “Mas continuei recebendo muito apoio, principalmente nas redes. Várias pessoas me mandavam mensagens dizendo ‘não fecha a janela’. Fui persistente e enfim acabou dando tudo certo.”

E a doceria criativa de Amparo segue firme e forte. Atualmente, a ‘Janela’ fica aberta de quinta a domingo, e Iara trabalha sozinha, fazendo os doces, as embalagens, dando conta das encomendas. É bastante trabalho, mas ela se sente realizada. “Tudo depende de mim. Mas ao mesmo tempo tenho autonomia total para fazer o que eu quiser.”

Itens do catálogo de Dia dos Namorados (Foto: Reprodução/Facebook)
ITENS DO CATÁLOGO DE DIA DOS NAMORADOS (FOTO: REPRODUÇÃO/FACEBOOK)

 

Nordeste é maior foco da fome no país

Em Sergipe, por exemplo, houve melhora. Mas a insegurança alimentar continua grave em outros estados

06/11/2013

Camila Nobrega e Rogério Daflon
Do Canal Ibase

A situação dos índios só ganhou visibilidade com o anúncio de um possível suicídio coletivo dos Guarani-Kaiowa, um ano atrás. Mas o quadro permanece inalterado lá e em muitos outros territórios indígenas espalhados pelo país.

A professora Sandra Maria Chaves dos Santos, da Escola de Nutrição da Universidade Federal da Bahia, afirma que os dados dos últimos 20 anos deixam clara a diminuição da fome do país, mas isso não é justificativa, enfatiza ela, para deixar de combatê-la.

Sandra estuda o tema na região Nordeste e afirma que, em Sergipe, por exemplo, houve melhora. Mas a insegurança alimentar continua grave em outros estados. “E como serão os resultados do próximo censo do IBGE em relação à fome, levando- se em conta que a seca da região já dura quase três anos?”, ressalta ela.

No Vale do Jiquiriçá, a professora fez uma pesquisa com base na Escala Brasileira de Insegurança Alimentar (EBIA) e de um questionário socioeconômico. O resultado é que, de 2.002 domicílios, constatou-se insegurança alimentar em 70,3%, com predomínio da insegurança grave e moderada (36,0%) em nove municípios.

“Há que se chamar atenção quanto às estatísticas do Censo de 2010. Embora tenha havido uma redução importante da fome, o que se vê nos dados é a manutenção das desigualdades regionais. O problema é estrutural. Quanto menor o nível de escolaridade, por exemplo, maior é o risco de insegurança alimentar”, diz ela.

Megaempreendimentos

No contexto atual, em que muitas populações estão na iminência de perder acesso à terra com a chegada de megaempreendimentos e a expansão do agronegócio, a situação se agrava. É o que afirma o coordenador-executivo da Action Aid Brasil, Adriano Campolina.

“As obras de infraestrutura no Brasil estão gerando novas pobrezas, com a expulsão das pessoas de seus locais de origem. Precisamos reverter isso, que também ocorre em função dos megaeventos esportivos: a Copa e as Olimpíadas”, afirma. A presidenta do Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (Consea), Maria Emília Pacheco, diz que o desafio é frear esse processo.

“É preciso investir na agricultura familiar, no banimento do uso de agrotóxicos. Há um conjunto articulador de políticas que está diretamente relacionado à segurança alimentar. O alimento tem que ser visto como direito humano e não como mercadoria”, garante. Para Maria Emília, a soberania alimentar ainda não foi alcançada no país. Isso, prevê a presidenta do Consea, só ocorrerá quando todos os povos tiverem direito de estabelecer suas políticas do direito humano à alimentação.

“É preciso pensar a produção, a distribuição e o acesso ao alimento. E não adianta apenas comer, é preciso saber quais alimentos estão chegando à mesa dos brasileiros. O Brasil assiste neste momento, por exemplo, ao aumento do sobrepeso. E há casos que combinam subnutrição com sobrepeso devido à baixa qualidade dos alimentos. Há pesquisadores que questionam, inclusive, se alguns alimentos superprocessados devem ser chamados de alimentos.

Qualidade da alimentação

A professora Inês Rugani, do Departamento de Nutrição da Uerj, vê um um aspecto dramático no país, que aparece também no programa Bolsa Família. Ela alerta que famílias cuja renda é mais baixa estão adquirindo o hábito de comprar alimentos processados, a fi m de consumir produtos semelhantes aos da classe média.

“A qualidade da alimentação cai muito, e a consequência na saúde é direta, como o aumento da diabetes. Um grande exemplo são os refrigerantes. Os mais baratos são ainda mais nocivos do que os mais divulgados pela propaganda maciça”, alerta.

As pessoas a que Rugani se refere ao menos são beneficiadas por políticas  públicas, como o Bolsa-Família. Mas há aquelas que ainda sofrem de privação. “Ainda se morre de fome no Brasil”, afirma Francisco Menezes.

Ex-prefeito acusado de pedofilia foi alvo de armação em SP, diz MP

Tucano tentava reeleição em 2008 e foi acusado do crime por uma mulher.
MP diz que denunciante foi paga por candidato rival para fazer acusações.

MP afirma que Jayme Leonel de Assis foi vítima de uma armação política (Foto: Matheus Urenha/Jornal A Cidade)

MP afirma que Jayme Leonel de Assis foi vítima de uma armação política (Foto: Matheus Urenha/Jornal A Cidade)

 Justiça de Cajuru (SP) investiga o envolvimento de quatro pessoas, dentre as quais o ex-prefeito de Santa Cruz da Esperança (SP), Daércio Lopes da Silva (PPS), em uma possível ‘armação política’ contra o também ex-prefeito da cidade, Jayme Leonel de Assis (PSDB), acusado de pedofilia por uma mulher em 2008, ano em que Assis tentava a reeleição como chefe do Executivo e tinha Silva como concorrente direto ao posto.

De acordo com o Ministério Público, que ofereceu denúncia sobre o caso no fim de 2013, a denunciante Ana Rosa Alves, que trabalhava na campanha eleitoral de Silva na época, admitiu ter recebido dinheiro e uma casa para compactuar com a armação. Segundo o MP, entre 5 e 22 de setembro de 2008, Ana esteve na casa de José Mauro Baltazar, coordenador da campanha de Silva, e recebeu uma proposta para acusar Assis de manter relações sexuais com uma menor desde seus 11 anos.

O tucano perdeu a eleição daquele ano e Silva foi eleito. Em 2012, a própria Ana Rosa resolveu denunciar a armação e, desde então, diz estar sendo perseguida pelos envolvidos

Investigação
Na denúncia do MP, assinada pelo promotor Guilherme Chaves do Nascimento, consta que Baltazar, na presença de Silva, teria oferecido a Ana Rosa R$ 500 por mês, R$ 10 mil de uma só vez e mais uma casa na Cohab para que ela assinasse os documentos de acusação contra Assis que, posteriormente, foram enviados ao Conselho Tutelar, ao MP e à Polícia Civil.

Além de Ana Rosa, Assis e Baltazar, o quarto denunciado pelo MP é o advogado Homero Tranquilli, que teria orientado Ana Rosa sobre como proceder perante a investigação da Polícia Civil a fim de manter a denúncia caluniosa contra o então prefeito de Santa Cruz da Esperança. De acordo com a Promotoria, Tranquilli também é filho do dono de um jornal que circula na cidade e que publicou em primeira mão a calúnia contra Assis.

Indícios
De acordo com a denúncia do MP, o cruzamento das bilhetagens telefônicas dos acusados, feito durante o inquérito policial, demonstra que eles mantinham uma estreita relação, considerada pela Promotoria como um indício do envolvimento deles na armação. O período em que os registros telefônicos foram feitos, entretanto, não foi especificado.

Ana Rosa Alves procurou o MP para fazer a denúncia (Foto: Arquivo pessoal/Divulgação)
 
Ana Rosa Alves procurou o MP para fazer a
denúncia (Foto: Arquivo pessoal/Divulgação)

O MP identificou 108 ligações entre Tranquilli e Ana Rosa. Ela também teria falado ao telefone 25 vezes com Baltazar, que por sua vez teria entrado em contato 76 vezes com Tranquilli. O promotor salientou ainda que os documentos assinados por Ana Rosa e entregues às autoridades locais com a denúncia caluniosa contra Assis possuem termos usado por uma pessoa com bom nível intelectual, algo que ela, com pouco nível de escolaridade, não é.

Sigilo no processo
A ação penal corre em segredo de Justiça no Fórum de Cajuru e é analisada pelo juiz Mário Leonardo Marsiglia, que já deferiu uma medida cautelar impedindo que Baltazar, Tranquilli e Silva se aproximem de Ana Rosa. A pena para o crime de denunciação caluniosa pode chegar a oito anos de reclusão.

Por telefone, Ana Rosa disse ao G1 que denunciou a armação em 2012, quatro anos após o ocorrido, porque sofreu uma crise de consciência. “Eu fui usada, fui o que chamam de laranja. Na época, eu estava muito fragilizada, tinha acabado de descobrir que estava com câncer de pele. Precisava do dinheiro. Agora acabo sofrendo por causa disso. Troco de celular toda hora, não consigo morar em lugar nenhum”, relatou.

MP afirma que Jayme Leonel de Assis foi vítima de uma armação política (Foto: Matheus Urenha/Jornal A Cidade)
 
MP afirma que Assis foi vítima de uma armação
política (Foto: Matheus Urenha/Jornal A Cidade)

Prejudicado
O ex-prefeito Jayme Leonel de Assis, que atualmente é chefe de gabinete do prefeito em exercício, Dimar de Brito (PSDB), disse que ainda sofre com a acusação de pedofilia e que nos próximos dias vai entrar com uma ação por danos morais contra os denunciados. “A nossa cidade é pequena, o boato acaba sendo uma coisa muito forte. Eu nunca vi essa menina que eles disseram ter sido abusada. Se ela passar na rua ao meu lado eu não reconheço”, disse.
“Essa acusação foi uma pancada na minha cabeça. Foi algo muito baixo, mas eu não devo e não temo, pois não fiz nada de errado. Isso prejudicou toda a minha família”, comentou.

Envolvidos
Como defesa, o funcionário público José Mauro Baltazar, que é gestor ambiental, disse ao G1 que, em 2012, Ana Rosa foi paga por pessoas interessadas em inventar a suposta armação e prejudicar a eleição municipal em que Silva concorria à reeleição.

“O fato aconteceu em 2008 e, oportunamente, em agosto de 2012, durante a campanha, ela fala sobre essa suposta armação. Por que não fez a denúncia antes? Os opositores políticos pagaram esta mulher para falar isso e prejudicar o Daércio na eleição”, alegou Baltazar.

O advogado Homero Tranquilli disse estar tranquilo com as acusações do MP e repetiu o discurso de Baltazar. “Foi uma armação que fizeram contra o Daércio. Eles armaram essa situação e inventaram uma história. Compraram essa senhora para dizer tudo o que ela disse. É uma atitude baixa e política. A turma do atual prefeito fez isso para ganhar a eleição.”

Procurado por telefone pelo G1, Dáercio Lopes da Silva não foi encontrado para comentar o assunto.

Fonte: http://g1.globo.com/sp/ribeirao-preto-franca/noticia/2014/01/ex-prefeito-acusado-de-pedofilia-foi-alvo-de-armacao-em-sp-diz-mp.html

Morto em prova física é aprovado em etapa de concurso da polícia do DF

Soldado da PM passou mal durante teste e sofreu parada cardíaca.
Cespe diz que manteve avaliação para garantir transparência do concurso.

Morto após a prova física para o cargo de escrivão da Polícia Civil do Distrito Federal no início do mês, o soldado da Polícia Militar Rafael Victor Araújo foi aprovado na etapa do concurso, realizado em janeiro e que teve o resultado divulgado na manhã desta quinta-feira (30) (veja resultado). Araújo passou mal ainda durante o teste e morreu pouco depois, de uma parada cardíaca.

Responsável pela aplicação da prova, o Cespe informou que manteve a avaliação do soldado para garantir a transparência do concurso. Segundo a instituição, ele obteve rendimento suficiente para a aprovação, e o centro não podia suprimir o nome dele por causa da morte.

Em nota, o Cespe disse que “o resultado provisório da etapa de capacidade física do concurso público para o cargo de Escrivão da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) contém o nome de todos os candidatos que foram considerados aptos, ou seja, que atingiram a performance mínima nos testes, conforme item 10.8 do edital de abertura do certame”. A instituiçl~]ao também informou que “o resultado provisório na referida fase não constitui o resultado final do concurso”.

Araújo fez o teste na pista de atletismo do Colégio Elefante Branco, na Asa Sul. Segundo a Polícia Civil, Araújo tinha 30 anos e foi socorrido em estado grave ao Hospital de Base deBrasília. O corpo do PM foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para realização de perícia.

Segundo o edital do concurso, realizado pelo Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB), a prova de capacidade física consiste de testes de barra, flexão abdominal, meio-sugado e corrida de 12 minutos.

O Cespe informou que o candidato apresentou um atestado médico comprovando estar apto à realização de prova e que o PM foi prontamente atendido por uma equipe médica de plantão. O centro afirmou ainda que, conforme a lei, suspendeu a realização dos exames físicos no período entre 11h e 15h, para que não houvesse prejuízo aos candidatos que participavam da avaliação.

Além das provas de capacidade física, o concurso realizou provas objetivas e discursivas, exames biométricos, prova de digitação, avaliação médica e psicológica e investigação de vida pregressa. Foram oferecidas 98 vagas. O salário é de R$ 7.890,05.

Protesto contra aumento das tarifas de ônibus invade SuperVia, no Rio

Ativistas e passageiros pularam catracas na Central do Brasil.
Manifestação é contra o reajuste das passagens para R$ 3.

Manifestantes pulam roletas na Central do Brasil (Foto: Fabio Teixeira / Agencia O Globo)

Manifestantes e passageiros pularam roletas na Central do Brasil (Foto: Fabio Teixeira / Agencia O Globo)

Uma manifestação contra o aumento das passagens de ônibus promoveu um pulo coletivo de catracas da Central do Brasil no início da noite desta quinta-feira (30). De acordo com o 5º BPM (Praça da Harmonia), 150 pessoas participavam do protesto. Centenas de passageiros acabaram também passando pelas roletas sem pagar, estimulados pelos ativistas. Até as 20h15, não houve confronto com a Polícia Militar, que se concentrou fora da estação, ou com seguranças da concessionária.

Os manifestantes entoavam gritos como “a SuperVia é a vergonha do Brasil” e “se a passagem aumentar, o Rio vai parar”. A SuperVia informou que o protesto não influenciava na circulação dos trens até este horário. O acesso à estação também seguia de forma tranquila.

Com evidente sorriso, o venezuelano Henrique Gomez, 63 anos, observava à média distância os passageiros transpondo as catracas. “Sempre que um grupo se amotina é porque algo está errado. Então, é legítima a manifestação”, disse.

PMs do Batalhão de Choque se posicionaram próximos às roletas, mas até as 20h30 não interferiam na manifestação (Foto: Daniel Silveira / G1)

PMs do Batalhão de Choque se posicionaram
próximos às roletas, mas até as 20h30 não
interferiam na manifestação (Foto: Daniel
Silveira / G1)

Próximo das roletas, as amigas Ana Carla e Patricia pareciam receosas em aderir ao boicote. “Estou com medo porque, de certo modo, é errado fazer isso. Mas é mesmo um absurdo a passagem nesse preço e a qualidade péssima desses trens”, declarou Ana.

Por volta das 20h15, com o movimento menor na Central do Brasil, ativistas se dividiram em cada uma das entradas do prédio para dizer aos usuários que o embarque era gratuito. Por sua vez, funcionários da SuperVia informavam que o funcionamento era normal. Algumas catracas estão fora de operação.

Reajuste
O valor da passagem de ônibus no Rio vai aumentar em 8 de fevereiro, de R$ 2,75 para R$ 3. O reajuste de 9,09%, divulgado na noite desta quarta-feira (29) pela Prefeitura, será publicado na edição desta quinta do Diário Oficial.

Manifestantes pularam catracas da Supervia (Foto: Daniel Silveira/ G1)
Manifestantes pularam catracas da SuperVia
(Foto: Daniel Silveira/ G1)

O anúncio foi feito um dia após o Tribunal de Contas do Município (TCM) votar o relatório sobre o serviço prestado pelas empresas de ônibus no Rio. O TCM informou que não tem competência para decidir se pode ou não haver reajuste no preço das passagens de ônibus e deixou a cargo da Prefeitura a decisão sobre o reajuste.

O decreto assinado pelo prefeito Eduardo Paes que estabelece o reajuste da tarifa determina uma série de adequações que deverão ser tomadas pela Secretaria Municipal de Transportes para fiscalizar o Serviço Público de Transporte de Passageiros por Ônibus (SPPO). Entre as principais obrigações está a contratação de empresa de auditoria para fiscalizar as revisões tarifárias. O documento estabelece ainda, entre outras medidas, que a secretaria exija dos consórcios a adequação dos terminais de passageiros no prazo de até 180 dias e elabore, no prazo de 30 dias, plano determinando que, até 31 de dezembro de 2016, todos os ônibus sejam equipados com ar-condicionado.

‘Operação Pare o Aumento
Assim que foi anunciado o aumento na noite desta quarta-feira (29), ativistas começaram a mobilizar manifestantes nas redes sociais para um ato de protesto, previsto para 6 de fevereiro, dois dias antes de entrar em vigor o reajuste. A manifestação deverá acontecer na Candelária, Centro do Rio. “Se a passagem aumentar, o Rio vai parar”, informa o cartaz publicado no Facebook.

Desde dezembro, quando Paes sinalizou que haveria aumento em 2014, manifestantes foram às ruas para dizer que não aceitariam qualquer aumento. O último ato ocorreu na noite de 18 de janeiro, quando um grupo interditou a Avenida Presidente Vargas, no Centro do Rio. Em seguida, o protesto continuou na Central do Brasil, onde alguns ativistas também chegaram a pular as catracas.

‘Recuo após pressão popular
Em 1º de junho do ano passado a tarifa dos ônibus do Rio aumentou de R$ 2,75 para R$ 2,95. Após mobilização em outras capitais por causa do aumento da passagem, houve protestos também no Rio e o reajuste de R$ 0,20 acabou suspenso pelo prefeito Eduardo Paes 18 dias depois.

No Rio, foram cinco grandes protestos em repúdio ao reajuste. Na primeira manifestação, cerca de 2 mil pessoas se reuniram no Centro do Rio. O ato, que começou pacífico, terminou em confronto com policiais militares. Um grupo mais radical ateou fogo na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj).

Os atos contra reajuste das tarifas do transporte público nas capitais começou em São Paulo. A situação influenciou manifestações no Rio e em outras capitais do país, que também acabaram recuando no reajuste das passagens. Ao anunciar que a tarifa no Rio voltaria a R$ 2,75, Paes disse que a decisão foi tomada em conjunto com o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad. À época, o prefeito do Rio disse que a conversa entre os dois já vinha acontecendo havia algum tempo.

Eron &quot;Batman&quot; participou de ato contra aumento das passagens (Foto: Daniel Silveira/ G1)
Eron Mello, o ‘Batman’, participou de ato contra aumento das passagens (Foto: Daniel Silveira/ G1)

Amanda Knox é condenada em novo julgamento na Itália

Tribunal culpou americana pela morte de Meredith Kercher em 2007.
Amanda foi condenada a 28 anos e 6 meses de prisão.

Raffaele Sollecito e seu advogado Luca Maori aguardam veredicto em Florença, na Itália, nesta quinta-feira (30) (Foto: AP/Fabrizio Giovannozzi)

Raffaele Sollecito e seu advogado Luca Maori enquanto aguardavam veredicto em Florença, na Itália, nesta quinta-feira (30) (Foto: AP/Fabrizio Giovannozzi)
Amanda Knox voltou aos EUA após libertação e poderá ser julgada novamente à revelia (Foto: BBC)
Amanda Knox voltou aos EUA após libertação
(Foto: BBC)

A americana Amanda Knox foi considerada culpada no segundo recurso do julgamento do assassinato de Meredith Kercher – a jovem britânica de 21 anos encontrada morta por esfaqueamento em uma república de estudantes, em novembro de 2007. Amanda foi condenada a 28 anos e seis meses de prisão e seu ex-namorado Raffaele Sollecito, a 25 anos.

Amanda e Sollecito haviam sido absolvidos do crime em 2011 – em segunda instância, após uma primeira condenação. O crime voltou à tona em 26 de março de 2013, quando o mais alto tribunal criminal da Itália anulou a absolvição de Amanda e ordenou um novo julgamento.

Amanda disse que estava com medo e triste pelo que chamou de “injusto” veredicto. “Eu fui inocentada antes, esperava mais do sistema judicial italiano. A evidência e a teoria acusatória não justificam um veredicto de culpa além de uma dúvida razoável”, disse ela por meio de um comunicado divulgado por seu porta-voz.

Amanda, agora estudante na Universidade de Washington, Estados Unidos, já havia divulgado um comunicado dizendo que estava confiante de que seria absolvida novamente. A Suprema Corte de Cassação da Itália decidiu que o tribunal de apelações em Florença deveria voltar a julgar o caso.

Entenda o caso
Amanda, agora com 25 anos, e Sollecito, 29, foram presos logo após o corpo de Meredith ser encontrado em 2007 com a garganta cortada e em meio a uma poça de sangue em seu quarto em Perugia. Amanda e o ex-namorado dividiam o apartamento.

Meredith, de 21 anos, estudante da cidade de Leeds, foi encontrada seminua e com 43 marcas de faca no apartamento que dividia com Amanda. Os exames dos legistas mostraram que ela também foi estuprada. A promotoria considerou que os jovens mataram Meredith durante uma noite de sexo, álcool e drogas.

Procuradores alegaram que Meredith foi vítima de um jogo sexual. Amanda e Sollecito negaram as acusações e disseram que eles não estavam no apartamento naquela noite, embora tenham admitido que fumaram maconha e que a memória estava “nublada” naquele dia. Um homem da Costa do Marfim, Rudy Guede, foi condenado pelo assassinato em um processo separado e está cumprindo uma sentença de 16 anos.

Amanda e Sollecito foram inicialmente condenados pelo assassinato e a penas de prisão longas, mas foram absolvidos em segunda instância em 2011. Depois de quase quatro anos atrás das grades, na Itália, Amanda retornou a sua cidade natal, Seattle, e Sollecito retomou seus estudos de ciência da computação.

Entrevista e livro
Em entrevista à rede de TV ABC, em 2013, Amanda voltou a alegar sua inocência pela acusação. Questionada sobre os adjetivos que recebeu na cobertura da mídia internacional sobre o assassinato, em 2007, entre eles “diaba” e “manipuladora sem coração”, Amanda afirmou que estão “todos errados”. “Eu gostaria de que me reconsiderassem como uma pessoa”, afirmou a americana.

“Para todos os efeitos, eu era uma assassina, fosse ou não. E eu precisava viver com a ideia de que aquela seria minha vida”, comentou. Ela afirmou ainda que o que aconteceu com ela foi “surreal”, mas que é algo que “poderia acontecer com qualquer um”.

A entrevista coincidiu com o lançamento da biografia de Amanda, “Waiting to Be Heard” (Esperando para ser Ouvida, na tradução livre), pela qual ela teria recebido mais de US$ 4 milhões, segundo o correspondente da BBC em Washington David Willis.

Fonte: http://g1.globo.com/mundo/noticia/2014/01/amanda-knox-e-condenada-em-novo-julgamento-na-italia.html

Planalto anuncia ida de Mercadante para Casa Civil e Chioro para a Saúde

Atual secretário-executivo, José Henrique Paim assumirá Educação.
Ao menos outros sete ministérios devem passar por mudança de comando.

A Presidência da República anunciou oficialmente nesta quinta-feira (30) a ida do atual ministro da Educação, Aloizio Mercadante, para a chefia da Casa Civil; e a escolha do atual secretário de Saúde de São Bernardo do Campo (SP), Arthur Chioro, para assumir o Ministério da Saúde. No lugar de Mercadante, assumirá o atual secretário-executivo do MEC, José Henrique Paim.

A posse dos novos ministros está marcada para a próxima segunda-feira (3), às 11h. Já as transmissões de cargo serão feitas em cada um dos ministérios no mesmo dia, à tarde. No momento do anúncio, feito por meio de nota divulgada pela Secretaria de Comunicação Social, a presidente Dilma Rousseff estava no Palácio da Alvorada.

Ao menos outros sete ministros atualmente no governo também devem deixar seus postos para se candidatar. São eles: Fernando Pimentel (Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior), Antônio Andrade (Agricultura), Aguinaldo Ribeiro (Cidades), Maria do Rosário (Secretaria de Direitos Humanos), Pepe Vargas (Desenvolvimento Agrário), Gastão Vieira (Turismo) e Marcelo Crivella (Pesca).

Além dessas pastas, há também expectativa de troca do comando da Secretaria de Relações Institucionais, ocupada atualmente por Ideli Salvatti, responsável pela articulação política com o Congresso.

Essa segunda etapa da reforma ministerial, que deve reacomodar no Executivo os partidos que compõem a base de apoio ao governo Dilma, deverá ser anunciada posteriormente.

 O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, em audiência pública na Comissão de Educação da Câmara (Foto: Antonio Cruz/ABr)
Aloizio Mercadante deixa o Ministério da Educação
para assumir a Casa Civil (Foto: Antonio Cruz/ABr)

Aloizio Mercadante
Aloizio Mercadante Oliva, 59 anos, nasceu em Santos (SP), em 13 de maio de 1954. Formou-se em Economia, na Universidade de São Paulo (USP), e possui mestrado e doutorado na área. É professor licenciado da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo e da Universidade Estadual de Campinas.

A vida política começou em 1975, quando ele foi presidente do Centro Acadêmico da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da USP. Foi ainda presidente da Associação de Professores da PUC-SP e vice-presidente da Associação Nacional de Docentes do Ensino Superior (Andes).

Mercadante é um dos quadros do PT que fez parte da fundação da sigla. Em 1982, foi coordenador de programa de governo e de campanha ao governo de São Paulo. Em 1989, 1994 e 1998, coordenou a campanha de Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência da República, sendo que, em 1994, foi vice na chapa de Lula.

O novo ministro da Casa Civil foi deputado federal por São Paulo por dois mandatos (entre 1991 e 1995, e entre 1999 e 2003) e senador, entre 2003 e 2010. Nesse período, foi líder de governo, líder do PT e presidente da Comissão de Assuntos Econômicos. Como deputado, participou da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) do Collor e do Orçamento.

Em 2010, o petista foi candidato ao governo de São Paulo, mas perdeu para o opositor tucano, Geraldo Alckmin. Após a derrota, Mercadante foi convidado, por Dilma Rousseff, a assumir o Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação. Depois, com a saída de Fernando Haddad, assumiu o Ministério da Educação em 2012.

Arthur Chioro  (GloboNews)  (Foto: Reprodução GloboNews)

Atual secretário de Saúde de São Bernardo, Arthur

Chioro irá subtituir Alexandre Padilha na Esplanada

(GloboNews) (Foto: Reprodução GloboNews)

Arthur Chioro
Médico e pesquisador especializado em saúde coletiva, Ademar Arthur Chioro dos Reis, 50 anos, vai conduzir um dos programas tidos como carro-chefe do governo Dilma, o Mais Médicos. Ele acaba de retornar de uma viagem com a presidente a Cuba, onde o governo agradeceu pela transferência.

Concursado da Prefeitura de Santos (SP) desde 1989, Chioro já havia trabalhado no Ministério da Saúde anteriormente, como diretor do Departamento de Atenção Especializada entre 2003 e 2005.

Chioro se formou pela Fundação Serra dos Órgãos e especializou-se em medicina preventiva e social pela Universidade Estadual Paulista (Unesp).  Anos depois, tornou-se mestre e doutor em saúde coletiva, cadeira que leciona na Faculdade de Fisioterapia Unisanta e na Faculdade de Medicina (Unimes). É também pesquisador na área de planejamento e gestão em saúde da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

Em São Bernardo do Campo, o petista integra o primeiro escalão da prefeitura desde o primeiro mandato do atual prefeito Luiz Marinho, que foi eleito em 2008 e reeleito em 2012. Marinho é ex-ministro do Trabalho e da Previdência Social do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, com quem mantém amizade próxima.

Chioro é ainda presidente do Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Estado de São Paulo, que reúne gestores de 645 cidades paulistanas.

O novo ministro da Educação, Henrique Paim (Foto: Valter Campanato / Agência Brasil)
Secretário executivo do Ministério da Educação,
Henrique Paim foi promovido a titular da pasta
(Foto: Valter Campanato / Agência Brasil)

José Henrique Paim
Economista, com pós-graduação na Universidade Federal do Rio Grande do Sul, José Henrique Paim Fernandes, 47 anos, ocupa a Secretaria Executiva do MEC desde 2006, na gestão de Fernando Haddad. Ele começou a atuar diretamente na área em 2004, após assumir a presidência do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), autarquia federal responsável pela execução de políticas educacionais do MEC. Ele ocupou o cargo até 2005.

Devido sua atuação no cargo como secretário-executivo do MEC, Paim ganhou a confiança do ex-ministro Haddad e virou o preferido para sua sucessão, em 2012. Mesmo cotado, Paim acabou preterido em favor do então ministro da Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante, que assumiu o comando e o manteve na secretaria-executiva.

Veja a íntegra da nota do governo sobre as mudanças nos ministérios:

“NOTA OFICIAL

A presidenta Dilma Rousseff anunciou hoje mudanças no seu ministério. A ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, e o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, deixarão seus cargos.

Para a chefia da Casa Civil, a presidenta indicou o ministro da Educação, Aloizio Mercadante. O novo ministro da Saúde será o médico Arthur Chioro. O novo ministro da Educação será José Henrique Paim Fernandes, atual secretário-executivo do Ministério.

A posse dos novos ministros será na segunda-feira, às 11 horas, no Palácio do Planalto. As transmissões ocorrerão nos seus respectivos ministérios na segunda-feira à tarde.

Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República”

Fonte: http://g1.globo.com/politica/noticia/2014/01/planalto-anuncia-ida-de-mercadante-para-casa-civil-e-chioro-para-saude.html

Casal de classe média alta é preso por roubo de carros, diz delegado

Rapaz de 20 anos e a namorada, de 19, tinham bairros nobres como alvo.
Polícia acredita que eles roubavam por ostentação.

Um casal de classe média alta foi preso, nesta quarta-feira (29), por suspeita de roubo de carros na Grande Vitória, segundo a polícia. Igor de Souza Lopes, de 20 anos, foi abordado em Marataízes, no Sul do Espírito Santo. Já a namorada Natália Herft de Oliveira, de 19 anos, estava trabalhando na Glória, em Vila Velha, quando foi abordada pela polícia.

Com os suspeitos, foram encontrados dois veículos roubados, drogas e uma arma. Ele será encaminhado para o Centro de Triagem de Viana, e ela, para o Presídio Feminino do mesmo município. De acordo com a polícia, a investigação aponta para roubo qualificado e, o rapaz ainda é suspeito de tráfico de drogas. Na delegacia, a dupla não quis falar com a imprensa e a defesa não foi encontrada pelo G1.

Casal de classe média é preso por roubo de carro, no Espírito Santo (Foto: Divulgação/ Polícia Civil do ES)Casal de classe média é preso por roubo de carro, no Espírito Santo (Foto: Divulgação/ Polícia Civil do ES)

Segundo o delegado Maurício Gonçalves, da Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos (DFRV), o casal é de classe média alta e os dois são filhos de empresários. Eles procuravam os bairros nobres para cometer os crimes. “São duas pessoas jovens, que andam bem vestidas e, que possuem uma boa condição financeira. Eles visavam os bairros nobres para praticar os crimes, na intenção de roubar veículos mais caros”, explicou. A polícia ainda não esclareceu a origem da foto em que a jovem exibe a arma em punho.

A motivação do crime pode ser dinheiro, ostentação, tentar manter um padrão de vida acima do que eles tinham”
Maurício Gonçalves,
delegado

O delegado não descarta a participação de uma terceira pessoa. Ele contou que as investigações começaram após o roubo de um veículo na Praia do Canto. “O veículo foi localizado em Coqueiral de Itaparica, no mesmo dia. Foi montada uma operação em conjunto com a PM, e a Natália foi abordada indo buscar o veículo. Ela disse que não sabia quem tinha pedido o veículo, que só teria ido lá transportá-lo a pedido de um amigo, sem ciência da origem criminosa do bem”, disse.

Na ação, o celular da jovem foi apreendido e nele a polícia encontrou informações que comprovavam a participação dela nos crimes. Ainda segundo o delegado, a dupla tinha funções definidas nos atos criminosos. “Ele procurava render a vítima em um momento de distração, quando estava estacionando o veículo ou indo retirar o veículo. Posteriormente, o carro era abandonado, e no dia subsequente ao crime, a Natalia ia retirar o veículo”, explicou.

Para ele, os roubos serviam para manter um alto padrão de vida para o casal. “A motivação do crime pode ser dinheiro, ostentação, tentar manter um padrão de vida acima do que eles tinham.  São pessoas de classe média alta, família de posses, moradores de bairros bons da Grande Vitória, tanto que as vítimas se diziam surpresas, porque o autor do crime era jovem, bem vestido, de boa aparência”.

No local onde o jovem estava escondido, a polícia também apreendeu drogas e uma arma utilizada para cometer os assaltos. Um veículo Renault Sandero, roubado na Praia da Costa, no dia 10 de janeiro, e uma Hilux roubada na Praia do Canto, no último dia 20 também foram encontradas com os suspeitos.

Segundo a polícia, o rapaz vai responder pelos crimes de tráfico de drogas, porte ilegal de armas e roubo qualificado. Já a namorada responde apenas pelo crime de roubo qualificado.

Fonte: http://g1.globo.com/espirito-santo/noticia/2014/01/casal-de-classe-media-alta-e-preso-suspeito-de-roubar-carros-no-es.html

Jovem suspeito de aplicar golpes no Facebook é preso em Teresina

Pablo Sotero vendia celulares, mas não entregava produto, diz delegada.
O suspeito aplicou golpes em vítimas dos estados de SP, BA, RO e GO.

Pablo Sotero vendia celulares, mas não entregava produto, diz delegada. (Foto: Gilcilene Araújo/G1)

Pablo Sotero vendia celulares, mas não entregava
produto, diz delegada. (Foto: Gilcilene Araújo/G1)

Policiais da Delegacia de Repressão aos Crimes de Alta Tecnologia (Dercat) prenderam nesta quarta-feira (29) o jovem Pablo Sotero, de 21 anos, suspeito de cometer estelionato através de um grupo de compra e venda no Facebook. Ele foi encontrado em sua casa, no bairro Vermelha, Zona Sul de Teresina. Segundo a delegada titular Cristiane Vasconcelos, Pablo vendia celulares abaixo do preço que são encontrados no mercado, mas não entregava os produtos.

“Ele vendia celulares que custam cerca de R$ 2.000 por até R$ 800. Ao fechar o negócio, Pablo solicitava aos clientes que pagassem a metade do valor da mercadoria antes do seu envio e apelava para as vítimas que precisava do dinheiro adiantado para cuidar da mãe doente”, explicou a delegada.

Grupo de compra e vendas no Facebook (Foto: Imagem: Facebook)
Jovem aplicava golpes através de um grupo de compra e venda no Facebook (Reprodução/Facebook)

Ainda de acordo com Cristiane, o suspeito aplicou golpes em quatro vítimas dos estados de São Paulo, Bahia, Rondônia e Goiás. “Ainda acreditamos que existe a possibilidade dele ter enganado mais pessoas de outros estados”, disse.

Delegada Cristiane Vasconcelos, titular da Delegacia de Repressão aos Crimes de Alta Tecnologia (Dercat) (Foto: Gilcilene Araújo/G1)
Delegada Cristiane Vasconcelos, titular Dercat
(Foto: Gilcilene Araújo/G1)

A primeira denúncia contra Pablo foi registrada em uma delegacia de São Paulo em setembro do ano passado, por uma pessoa que teria comprado um aparelho celular e não recebeu a mercadoria. Na época, o delegado que recebeu a denúncia na capital paulista entrou em contato com a Dercat e Pablo foi indiciado.

O jovem não quis falar com a imprensa, mas alegou em depoimento que não entregava a mercadoria porque não mantinha contado com os clientes, o que é contestado por Cristiane Vasconcelos que teve acesso a mensagens trocadas entre o suspeito e as vítimas.

Conforme a delegada, Pablo pode pegar de um a cinco anos na prisão e deve ser encaminhado para alguma unidade prisional do estado ainda nesta quarta.

Fonte: http://g1.globo.com/pi/piaui/noticia/2014/01/jovem-suspeito-de-aplicar-golpes-no-facebook-e-preso-em-teresina.html

Homem suspeito de estupros usava brinquedos para aliciar crianças no PI

Francisco da Silva pode ter estuprado quatro crianças entre 7 e 10 anos.
Após ser denunciado, suspeito tomou veneno se encontra em estado grave.

Brinquedos apreendidos na casa onde Francisco supostamente praticava os estupros em Oeiras (PI) (Foto: Rogério Silva/Mural da Vila)

Brinquedos apreendidos na casa onde Francisco supostamente praticava os estupros em Oeiras (PI) (Foto: Rogério Silva/Mural da Vila)

A Polícia Civil pediu a prisão do pedreiro Francisco da Silva Moura, 55 anos, suspeito de estuprar quatro crianças com idades entre sete e 10 anos na cidade de Oeiras, a 313 km ao Sul de Teresina. Segundo o delegado regional Genival Vilela, o suspeito era conhecido das famílias das vítimas e utilizava brinquedos para atrair e ganhar a confiança das crianças.

“Ao ser ouvida, uma das vítimas de sete anos descreveu toda a ação do suspeito. Ela disse que Francisco a convidou para passear, logo em seguida a levou para uma casa em construção afirmando que tinha brinquedos. Ao chegar no local, ele ganhava a confiança da menor brincando com bonecas e depois cometia o estupro”, afirmou Vilela.

O caso foi denunciado pela mãe de uma das vítimas no dia 27 de janeiro, após a filha relatar que teria sido abusada pelo homem. Ao investigar, a polícia conseguiu chegar à outras crianças que também relataram terem sido vítimas de Francisco da Silva. “Outras três crianças compareceram com os pais na delegacia para denunciar o suspeito. Elas contaram a mesma coisa que a primeira vítima. Foram atraídas com brinquedos e lanche”, disse o delegado.

Genival revela que quando o pedreiro soube que tinha sido descoberto, ingeriu veneno de rato na tentativa de cometer suicídio, mas foi socorrido e encaminhado ao Hospital de Urgência deTeresina (HUT) em estado grave. “Após receber alta médica ele sairá do hospital direto para a prisão, pois o que ele fez foi gravíssimo e deixou toda a população abismada. É a primeira vez que acontece uma ocorrência desse tipo aqui na região”, garantiu Vilela.

As vítimas foram encaminhadas ao Instituto Médico Legal de Teresina onde foram submetidas a exames para comprovar se houve conjunção carnal. “Mesmo diante dos depoimentos constatamos que houve estupro de vulnerável, pois na nova lei do código penal, gestos obscenos agora é estupro, porém vamos esperar as provas técnicas para saber se a pena dele será agravada por conta disso”, explicou o delegado.

Fonte: http://g1.globo.com/pi/piaui/noticia/2014/01/homem-suspeito-de-estupros-usava-brinquedos-para-aliciar-criancas-no-pi.html

Atriz pornô quer sexo com 23 homens no dia do 23º aniversário

Heidi Van Horny está fazendo uma curiosa seleção, de acordo com o “Toronto Sun”. A atriz pornô vai selecionar 23 homens para fazerem sexo com ela no seu 23º aniversário

Os interessados deverão aceitar se submeter a testes de doenças sexualmente transmissíveis para participar do processo. Mais de 500 homens já se candidataram.

A sessão de sexo será transmitida para um clube de swing em Montreal (Canadá).

“É o meu corpo, serei a única que vai escolher (os homens)”, disse ela.

Heidi Van Horny – Reprodução/Facebook

Fonte:http://oglobo.globo.com/blogs/pagenotfound/posts/2014/01/29/atriz-porno-quer-sexo-com-23-homens-no-dia-do-23-aniversario-522423.asp

Suposto vídeo de Neymar e Bruna Marquezine é usado para roubar senhas

Mais um golpe foi flagrado na Internet. Agora, um suposto vídeo do jogador de futebol Neymar com a atriz Bruna Marquezine é utilizado para atrair vítimas e roubar senhas bancárias. O alerta foi enviado pela ESET, fornecedora de soluções de segurança da informação, empresa que encontrou a nova ameaça virtual. O malware está atingindo usuários brasileiros e europeus.

Video de Neymar é utilizado para instalar vírus Torjan (Foto: Reprodução/ESET)Vídeo de Neymar é utilizado para instalar vírus Trojan no computador de usuários (Foto: Reprodução/ESET)

O “vídeo” enviado via e-email esconde um vírus Trojan (Cavalo de Troia), que tem como finalidade roubar dados bancários dos internautas. Quando o download é feito pelo usuário, um arquivo de nome “Video_Intimo.zip” é salvo na máquina.

O arquivo usa a extensão .cpl, também conhecido como arquivo de Painel de Controle do Windows, no lugar do .exe (executáveis). O malware identificado pela ESET como Win32/TrojanDownloader.Banload.SXK está sendo disseminado na rede e busca alcançar o maior número de vítimas: além do Brasil, usuários da Espanha e Argentina também foram afetados.

A rápida disseminação está ligada com o fato de Neymar ser internacionalmente conhecido. Isso faz com que o “vídeo” acabe atraindo a atenção de internautas em todo o mundo, o que pode ser ainda mais prejudicial.

Fonte:: http://www.techtudo.com.br/noticias/noticia/2014/01/video-de-neymar-e-bruna-marquezine-e-usado-para-roubar-senhas-bancarias.html